sicnot

Perfil

Desporto

Jermain Defoe volta à seleção inglesa quatro anos depois

O veterano avançado Jermain Defoe, do Sunderland, vai regressar à seleção de futebol inglesa quatro anos depois, para o particular com a Alemanha e o jogo de qualificação para o Mundial2018 face à Lituânia.

Presentemente cm 34 anos, Defoe beneficiou das lesões de Harry Kake, do Tottenham, e Wayne Rooney, do Manchester United, para integrar os eleitos do selecionador Gareth Southgate.Defoe tinha jogado pela última vez a 15 novembro de 2013, alinhando os últimos 24 minutos na derrota por 2-0 frente ao Chile, num jogo particular, disputado em Wembley.

A convocatória tem ainda como novidade as estreias de James Ward-Prowse e Nathan Redmond, ambos do Southampton, Jake Livermore, do West Bromwich, e Michael Keane, do Burnley.

A Inglaterra defronta a Alemanha a 22 de março, quatro dias antes de receber em Wembley a Lituânia, na quinta jornada do Grupo F da fase de apuramento para o Mundial de 2018.

Após quatro jornadas, os ingleses lideram isolados o agrupamento, com 10 pontos, contra oito da Eslovénia, seis da Eslováquia e cinco da Lituânia.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".