sicnot

Perfil

Desporto

Mónaco continua em grande plano e vence Caen na liga francesa

© Stephane Mahe / Reuters

O Mónaco continua a prolongar o sonho na liga francesa de futebol, ao vencer este domingo na visita ao Caen (3-0), num jogo em que Leonardo Jardim fez descansar Bernardo Silva e ainda não teve Falcao.

Numa semana em que os monegascos eliminaram o Manchester City na Liga dos Campeões, o técnico português fez descansar Bernardo Silva-- só entrou aos 82 minutos -, e deu a titularidade ao também médio português João Moutinho.

De fora continuou o avançado internacional colombiano Falcao, lesionado, e depois de já ter falhado a vitória com o City (3-1), bem como Gabriel Boschilia ou Guido Carrillo, a recuperarem de lesões há algum tempo.

Frente ao Caen, 16.º classificado, quatro pontos acima da zona de descida, o Mónaco teve nova demonstração de força e antes do intervalo já vencia com um golo de Mbappe, aos 13 minutos.

O avançado voltaria a fazer novo golo (3-0) aos 81 minutos, a cruzamento de João Moutinho, mas antes o médio brasileiro Fabinho marcou de grande penalidade, aos 49, a castigar falta sobre Mbappe.

Com este triunfo, o Mónaco passou a somar 71 pontos, mais seis do que o Paris Saint-Germain, que ainda recebe este domingo o Lyon.

Os monegascos têm o impressionante registo de 87 golos marcados (em 30 jogos), seguidos a longa distância na eficácia, por Lyon (59) e PSG (58).

Lusa

  • Turistas chegam a esperar 2 horas no controlo de passaporte do Aeroporto de Lisboa
    2:35

    País

    Chegar ao Aeroporto de Lisboa pode ser uma dor de cabeça para centenas de passageiros. A espera para o controlo de passaporte chegou a ultrapassar as duas horas nos meses de fevereiro e março. Manuela Niza, do Sindicato dos Funcionários do Serviços de Estrangeiros e Fronteiras, diz que têm sido contratados inspetores que depois são desviados para outros serviços.

  • Hasta pública de madeira ardida rendeu 2,85 milhões de euros

    País

    Mais de meia centena de lotes de madeira ardida proveniente de matas nacionais e perímetros florestais geridos pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) foram esta quinta-feira vendidos por 2,85 milhões de euros, numa hasta pública em Viseu.

  • "Dinheiro gasto em contentores dava para construir outro hospital" no Porto
    1:40

    País

    A bastonária dos Enfermeiros pede uma investigação aos contratos de contentores no Hospital de São João, no Porto. Ana Rita Cavaco diz que os "milhares de euros" já gastos na contratação e manutenção dos contentores da Pediatria e outros serviços do centro Hospitalar de São João davam para construir um novo hospital. E levanta ainda a suspeita sobre a empresa contratada.