sicnot

Perfil

Desporto

FC Porto de regresso aos treinos sem oito internacionais

O FC Porto regressou esta segunda-feira ao trabalho, após o assalto falhado à liderança da I Liga de futebol, no empate frente ao Vitória de Setúbal, com uma sessão marcada pela ausência de oito internacionais.

De acordo com o sítio dos 'dragões', Danilo e André Silva (seleção A), Rúben Neves e Diogo Jota (seleção sub-21), Rui Pedro (seleção sub-19), Herrera e Layún (México) e Maxi (Uruguai) falharam a sessão por se encontrarem envolvidos em compromissos internacionais.

Sem qualquer jogador entregue aos cuidados do departamento médico, o treinador Nuno Espírito Santo chamou ao treino do plantel principal o guarda-redes da equipa de sub-19 Ricardo Silva.

O plantel do FC Porto cumpre terça-feira um dia de folga, e retoma os treinos na quarta-feira, pelas 10:30, no Olival, com uma sessão que terá os primeiros 15 minutos abertos à comunicação social.

Com o campeonato parado para a realização dos compromissos das seleções, o próximo jogo dos 'dragões' é a 1 de abril, frente ao líder e tricampeão Benfica, no Estádio da Luz, para a 27.ª jornada da I Liga.

Lusa

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".