sicnot

Perfil

Desporto

Joana Ramos conquista bronze nos Europeus de Judo

Arquivo

© Ina Fassbender / Reuters

A judoca portuguesa Joana Ramos conquistou hoje a medalha de bronze nos Europeus de Varsóvia, ao vencer a israelita Gili Cohen, terceira no ranking mundial da categoria de -52 kg, por waza-ari.

Foi a sexta vez que as duas judocas se defrontaram, com o equilíbrio de três vitórias para cada uma, a última das quais hoje, favorável à portuguesa, 20.ª na hierarquia mundial, após alcançar uma sofrida vantagem já no prolongamento do combate.

Nos quatro minutos iniciais, depois de um melhor começo, Joana Ramos apenas conseguiu levar o combate para o 'ponto de ouro', período de decisão após os quatro minutos iniciais e quando se verificava um empate.

Nesse período a judoca chegou a ter dois castigos, mas soube gerir no 'prolongamento', com um acréscimo desgastante de mais 2.40 minutos, até que Joana Ramos, em nova tentativa de ataque, conseguiu o 'waza-ari' que lhe deu o bronze.

A judoca chegava a Varsóvia como candidata a uma subida ao pódio, embora só muito recentemente tenha regressado à competição, com a conquista também da medalha de bronze, no final de março, no Grande Prémio de Tbilisi.

A experiência de Joana Ramos, vice-campeã europeia em 2011, em Istambul, pesava na sua participação nestes Europeus e a atleta teve hoje um percurso imparável até encontrar a campeã olímpica, Majlinda Kelmendi, que viria a sagrar-se campeã europeia, contra quem não foi inferior.

Joana Ramos deu a ideia de equilibrar o combate com Kelmendi, considerada a melhor judoca mundial nos -52 kg e que, além do título olímpico, foi campeã mundial em 2014 e 2013 e europeia nos mesmos anos.

A kosovar teve dois castigos, e Joana Ramos também, levando a que um terceiro castigo significasse o 'fim de linha' para uma delas na tentativa de chegarem à final, o que acabaria por acontecer com a portuguesa.

Antes, a judoca do Sporting venceu a norueguesa Madelene Rubinstein (107.ª) e duas adversárias acima de si na hierarquia mundial, a romena Andreea Chitu (9.ª), campeã europeia em 2015 e 2012 e vice-campeã mundial em 2015 e 2014, e a sua compatriota Alexandra-Larisa Florian (8.ª), todas por 'ippon'.

Para Varsóvia, a selecionadora Ana Hormigo tinha projetado, em declarações à agência Lusa, a conquista de pelo menos uma medalha, meta alcançada neste primeiro dia de competição.

Menos bem esteve Sergiu Oleinic (11.º do mundo), judoca olímpico, tal como Joana Ramos, que foi eliminado ao segundo combate, já na decisão do ponto de ouro, por waza-ari, quando o seu adversário, o turco Sinan Sandal (41.º) tinha dois castigos.
Também Maria Siderot (26.ª) perdeu no prolongamento, com a jovem judoca a ser eliminada ao segundo combate pela sérvia Milica Nikolic, por 'ippon'.

No primeiro dia destes Europeus, que decorrem até domingo, estiveram também em prova Joana Diogo (-48 kg) e João Crisóstomo (-66 kg), eliminados no primeiro duelo, e Leandra Freitas (-52 kg), afastada pela israelita Gili Cohen no segundo combate.

Na sexta-feira competem Jorge Fernandes (-73kg), Luís Carmo (-73kg), Anri Egutidze (-81kg) e João Martinho (-81kg), e no sábado Yahima Ramirez (-78kg), Tiago Rodrigues (-90kg) e Jorge Fonseca (-100kg).

Lusa

  • Marco Silva vai treinar o Watford

    Desporto

    O treinador português Marco Silva assinou contrato com o Watford, da Liga Inglesa. O emblema que terminou a última Premier League na 17ª posição, a última antes dos lugares de descida, ganhou assim a corrida ao Crystal Palace e ao FC Porto, que também tentaram contratar o técnico.

  • Sérgio Conceição no radar do FC Porto

    Desporto

    O treinador português e os seus representantes têm marcada para esta sexta-feira uma reunião decisiva com o FC Porto. Sérgio Conceição poderá ser o sucessor de Nuno Espírito Santo no comando técnico dos dragões.

  • "A maior conquista foi construir estabilidade"
    2:14

    Economia

    António Costa voltou esta sexta-feira a garantir que a partir de junho nenhum subsídio de desemprego será inferior a 421 euros por mês. O primeiro-ministro falava nas jornadas parlamentares do PS, onde afirmou que a estabilidade é a maior conquista deste Governo.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mas do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Projeto Abem dá medicamentos grátis a 2.500 pessoas
    12:53
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Nove suspeitos do ataque de Manchester têm entre 18 e 38 anos
    1:02
  • Uma foto para a história

    Mundo

    As mulheres dos líderes mundiais que se reúnem nas cimeiras da NATO posam para a fotografia oficial das primeiras-damas. A deste ano é histórica. Pela primeira vez, há um marido de um primeiro-ministro entre as nove mulheres. Trata-se de Gauthier Destenay, casado com o líder do Luxemburgo.

  • Roteiro de sugestões para o fim de semana
    13:00
    Se7e

    Se7e

    6ª feira no Jornal da Noite

    Todas as sextas-feiras há uma rubrica de lifestyle no Jornal da Noite. Se7e mostra o melhor do país, numa parceria SIC/Visão. Um roteiro de sugestões para o fim de semana, com os novos restaurantes e hotéis, as lojas da moda, os bares e as esplanadas.