sicnot

Perfil

Desporto

Octávio Machado suspenso por 26 dias

O diretor-geral para o futebol do Sporting Octávio Machado foi esta terça-feira suspenso por 26 dias, devido a declarações sobre o ex-presidente do Conselho de Arbitragem (CA) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

De acordo com o Conselho de Disciplina da FPF, Octávio Machado, que terá ainda de pagar 1.380 euros de multa, foi punido em virtude de declarações visando Vítor Pereira, em 15 de maio de 2016, no final da I Liga portuguesa.

Na altura, o dirigente acusou o então presidente do Conselho de Arbitragem de ter "marcado profundamente" o desfecho da I Liga, afirmando que "terá a camisola 35".

O dirigente leonino falava depois de o Benfica ter conquistado o seu 35.ª título de campeão nacional, terceiro consecutivo, com uma vitória por 4-1 sobre o Nacional, na 34.ª e última ronda.

"Este campeonato vai ficar na história como o 35 de Vítor Pereira", disse o diretor leonino, referindo-se ao responsável pela arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, associando-o ao número de títulos nacionais conquistados pelo rival da Luz.

Octávio Machado já estava suspenso por 75 dias, desde 28 de março, devido a uma queixa do Benfica.

Lusa

  • Alterações nos horários das farmácias têm o objetivo de evitar duplicação de serviços
    1:50
  • Troika nem sempre protegeu os mais vulneráveis, conclui avaliação do FMI

    Economia

    O organismo de avaliação independente do FMI concluiu que as medidas aplicadas pela troika em Portugal nem sempre protegeram as pessoas com menos rendimentos, apontando que a primeira preocupação do Fundo era a redução dos défices, apurou o gabinete independente de avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI),