sicnot

Perfil

Desporto

Fernando Gomes felicita Leonardo Jardim, João Moutinho e Bernardo Silva

SEBASTIEN NOGIER

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, felicitou esta quarta-feira o treinador Leonardo Jardim, a sua equipa técnica e os futebolistas portugueses João Moutinho e Bernardo Silva pela "brilhante conquista do título de campeão de França".

"Ao longo de toda a época, o futebol empolgante do Mónaco valeu-lhe a presença nas meias-finais da Liga dos Campeões e, agora, a vitória da mais importante competição francesa. Será justo dizer que sem a competência da equipa técnica liderada por Leonardo Jardim e sem o talento demonstrado pelos nossos jogadores, essa conquista seria muito mais improvável", escreveu Fernando Gomes numa mensagem publicada no sítio da FPF.

A concluir, o presidente da FPF exalta "toda a classe demonstrada" por Leonardo Jardim, João Moutinho e Bernardo Silva, classe essa que "honra o Mónaco, mas também todos os treinadores portugueses, os jogadores e o futebol nacional".

O Mónaco garantiu esta quarta-feira a conquista do título francês, ao vencer na receção ao Saint-Etienne por 2-0, em jogo em atraso da 31.ª jornada da liga francesa. A equipa lidera o campeonato com 92 pontos, mais seis do que o Paris Saint-Germain, quando falta uma jornada para terminar a competição.

  • Manuel Delgado demitiu-se devido a "grave violação da privacidade"

    País

    O ex-secretário de Estado da Saúde diz que apresentou a demissão para "não perturbar nem criar qualquer tipo de embaraço ao normal funcionamento do Governo". Num comunicado emitido hoje, Manuel Delgado esclarece que foi remunerado pelo trabalho de consultor na Raríssimas "muito antes" da entrada no Governo e acrescenta que respeitou na íntegra todo o quadro legal e ético.

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Erdogan apela ao reconhecimento de Jerusalém Oriental como capital
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28