sicnot

Perfil

Desporto

Duda diz adeus emocionado ao Málaga sem revelar próximo clube

Marcelo del Pozo

O médio português Sérgio Paulo Barbosa, conhecido como Duda, protagonizou esta sexta-feira uma despedida emotiva como futebolista do Málaga, sem, todavia, revelar em que equipa prosseguirá a sua carreira.

Duda, um ícone do 'malaguismo' por ser o jogador com mais jogos disputados com a camisola do clube, 348, começou por referir "o orgulho" que sentia por tê-la "envergado durante 13 anos", num comunicado que leu na sala de imprensa no estádio Rosaleda, visivelmente emocionado.

Acompanhado pela família, pelo plantel, pelo corpo técnico, por diretores e funcionários do Málaga, o português, que fará 36 anos em junho próximo, anunciou o seu adeus ao clube que considerou como o da sua vida, tal como fizeram, na passada segunda-feira, o defesa argentino Martin Demichelis e, na quarta-feira, o brasileiro Welington, ainda que estes tenham anunciado o fim da carreira.

"Hoje toca a mim", disse Duda, que nasceu no Porto e que, em princípio, jogará mais uma temporada, uma vez que termina o seu contrato com o Málaga e o clube "não conta" com ele.

O até agora capitão do Málaga, que também representou o Vitória de Guimarães, o Cádiz, o Levante e o Sevilha, afirmou que partia "com a felicidade de ter contribuído para o crescimento do clube", salientando o facto de este ter chegado a disputar as competições europeias.

"Estou feliz com os nossos adeptos e a forma como desfrutam desta equipa, já consolidada na I Liga. Estarei sempre agradecido a este clube, que me deu a oportunidade de jogar na melhor liga do mundo e que me abriu as portas da seleção do meu país", disse Duda, sem esconder a emoção, recordando, ainda, a sua chegada a Málaga, com 18 anos, acompanhado unicamente pela sua mulher.

O internacional português fará o seu último jogo pelo Málaga no próximo domingo, na receção ao Real Madrid, num dos jogos decisivos para o título de campeão de Espanha.

Lusa

  • Condutora que atropelou peregrinos "internada compulsivamente"

    País

    A condutora do veículo que hoje atropelou seis peregrinos na Estrada Nacional 365, em Alcanena, apresentava problemas do foro psicológico e teve de ser internada compulsivamente. O atropelamento esta madrugada fez uma vítima mortal, um homem, e feriu cinco pessoas, uma das quais em estado grave.

  • Maduro deve ser reeleito em eleições contestadas pela oposição
    1:46

    Mundo

    Os venezuelanos elegem hoje o Presidente que deverá estar à frente do país até 2025. Há quatro candidatos, mas Nicolás Maduro é o favorito na corrida. A oposição apelou ao boicote e vários países da América e das Caraíbas, os EUA e a UE já avisaram que não reconhecerão resultados de uma eleição que não é livre nem transparente.

  • A solução de Elon Musk para os engarrafamentos em Los Angeles
    1:23