sicnot

Perfil

Desporto

Miguel Oliveira quarto no Grande Prémio da Catalunha em Moto2

O piloto português Miguel Oliveira (KTM) foi este domingo o quarto classificado na corrida de Moto2 do Grande Prémio da Catalunha, sétima prova do campeonato do mundo de motociclismo, que foi ganha pelo espanhol Alex Márquez (Kalex).

Márquez dominou a corrida do princípio ao fim e completou as 23 voltas ao circuito de Montmeló, perto de Barcelona, em 42.40,502 minutos, sendo acompanhado no pódio pelo italiano Mattia Pasini (Kalex) e pelo suíço Thomas Luthi (Kalex), segundo e terceiro, respetivamente.

Depois do quinto lugar obtido na prova anterior, em Itália, Miguel Oliveira saiu do sétimo lugar da grelha de partida, para terminar em quarto, a 5,322 segundos de Márquez, que obteve o segundo triunfo da temporada.

"A corrida foi bastante dura. Só após o 'warm up' é que soubemos que composto de pneu usar. Optámos pelo que a maioria dos adversários escolheu. Acabou por ser uma corrida complicada porque não tínhamos nenhuma aderência e era muito fácil cair. Ainda assim consegui terminar com valiosos pontos para o campeonato e acumular informação importante", afirmou o piloto de Almada.

Miguel Oliveira fez uma boa partida e chegou à primeira curva no quarto lugar. Após algumas voltas de luta com Luthi e Franco Morbidelli (Kalex), Miguel Oliveira aproveitou um erro do italiano que lidera o Mundial para se fixar em definitivo na posição com que acabaria a prova.Morbidelli ficou em sexto lugar e conservou a liderança, com 123 pontos, mas permitiu a aproximação a Luthi (116), Márquez (103) e Oliveira (83), que ocupam as posições imediatas na classificação.

"Agora seguimos para dois dias de testes aqui em Barcelona, para tentar melhorar um pouco a sensação com a roda dianteira e tentar experimentar coisas que não pudemos experimentar durante o fim de semana normal de corrida", completou o português que cumpre a sua segunda temporada na categoria intermédia, depois de ter sido vice-campeão do mundo em Moto3.

A oitava das 18 provas do Mundial será o Grande Prémio de Assen, na Holanda, e disputa-se a 25 de junho.

Lusa

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.