sicnot

Perfil

Desporto

Histórico Mo Farah despede-se das pistas no meeting de Birmingham

Henry Browne

O atleta britânico Mo Farah, bicampeão olímpico nas provas de 5.000 e 10.000 metros, vai disputar a sua última prova em pista no meeting de Birmingham, Inglaterra, da Liga Diamante, a 20 de agosto, anunciou esta quinta-feira a organização.

O atleta, de 34 anos, despede-se das pistas de tartan pouco antes de tentar o 'tri-duplo' nos 5.000 e 10.000 metros nos Mundiais de Londres, entre 04 e 13 de agosto.

"Disputei várias corridas no Alexander Stadium [Notes:estádio de atletismo de Birmingham] durante muitos anos. Por isso, é o local ideal para a minha última corrida [Notes:em pista] ", afirmou o atleta ao site de atletismo Athletics Weekly.

Para Farah, que vai focar-se nas maratonas, a despedida em Birmingham também será "uma grande oportunidade para aqueles que não estiverem em Londres" de assistir à sua última corrida em pista.

"Há sempre um grande ambiente em Birmingham. Espero ter um bom desempenho para agradecer a todos os fãs o apoio que me deram ao longos destes anos", disse ainda o atleta.

Lusa

  • Passos acusa Governo de "sacudir água do capote"

    País

    O líder do PSD, Pedro Passos Coelho, acusou este sábado o Governo de "sacudir a água do capote" para não assumir a responsabilidade pelo que está a ser decidido, usando uma política de comunicação que considerou ser um "embuste".

  • Quase 200 polícias solidários com agentes acusados
    2:29

    País

    Perto de 200 polícias manifestaram-se este sábado na sede da PSP em Alfragide, em solidariedade com os 18 agentes acusados no processo Cova da Moura. O Sindicato Nacional de Polícia associou-se ao protesto e diz existir um aproveitamento político do caso.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.