sicnot

Perfil

Desporto

Associação Internacional de Atletismo suspende o dirigente Frankie Fredericks

O namibiano Frankie Fredericks foi suspenso provisoriamente pela Associação Internacional de Atletismo (IAAF), organismo de que é membro o antigo campeão do mundo dos 200 metros, cujo nome tem aparecido associado a suspeitas de corrupção.

O antigo velocista fica suspenso "das suas funções de membro do conselho (...) e de qualquer função no atletismo", enquanto não se concluir um inquérito, decidiu a comissão de disciplina da IAAF, a fazer eco do que tem sido avançado pela imprensa em França.


Frankie Fredericks disse, em comunicado, que vai recorrer e assegura "não ter violado o código de ética da IAAF".


A 04 de março, o diário francês Le Monde avançava que Fredericks recebeu 299.300 dólares (cerca de 262 mil euros) no dia da atribuição dos Jogos Olímpicos pelo COI ao Rio de Janeiro (29 de outubro de 2009, em Copenhaga).


O dirigente assegura que o pagamento foi feito "em conformidade com um contrato datado de 11 de março de 2007, por serviços prestados entre 2007 e 2011" e que "nada tem a ver com os Jogos Olímpicos".


O pagamento provem da empresa do filho do antigo presidente da IAAF Lamine Diack, Papa Massata Diack - que por sua vez é acusado de ter recebido 1,5 milhões de dólares (1,31 milhões de euros) do empresário brasileiro Arthur Cesar de Menezes Soares Filho, três dias antes da votação.


Entretanto, Fredericks já se tinha demitido da comissão de avaliação dos Jogos Olímpicos de 2024, cedendo o lugar ao suíço Patrick Baumann. Anunciara também que não ia votar na escolha para cidade desses Jogos, na sessão de setembro, a realizar em Lima (onde deverá acontecer a atribuição em conjunto de 2024 e 2028 a Paris e Los Angeles, faltando saber a ordem).


A IAAF também já tinha substituído Fredericks no grupo de trabalho para a reintegração do atletismo russo, após o afastamento por doping institucionalizado.

Lusa

  • Número de mortos nos incêndios sobe para 43

    País

    Os incêndios florestais que deflagraram no domingo em várias zonas do país provocaram 43 mortos, disse esta quinta-feira à Lusa a adjunta do comando nacional da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), Patrícia Gaspar. Trata-se de um homem que foi encontrado esta quinta-feira.

  • Casas de Luís Filipe Vieira e Pedro Guerra foram alvo de buscas
    2:39

    Desporto

    O caso dos emails levou esta quinta-feira a Polícia Judiciária a fazer buscas no Estádio da Luz e nas casas de Luís Filipe Vieira, o comentador Pedro Guerra e Paulo Gonçalves, o assessor jurídico do clube das águias. O advogado foi constituído arguido, mas só porque um advogado para ser alvo de buscas precisa de ser arguido.

  • Vitória de Guimarães mais longe dos 16 avos da Liga Europa
    1:48
  • Quem está ao lado de Trump? Melania ou uma sósia?

    Mundo

    A especulação surgiu no Twitter: estaria Trump acompanhado de uma sósia de Melania para ocultar a ausência da mulher num evento oficial? A teoria da conspiração ganhou depois força nas redes sociais. Julgue por si mesmo.

    SIC

  • Norte-americano entrega-se após perder aposta com a polícia no Facebook

    Mundo

    Um jovem de 21 anos procurado pela polícia norte-americana entregou-se, esta segunda-feira, depois de perder uma aposta com a polícia, no Facebook. Michael Zaydel prometeu entregar-se se uma publicação sobre o seu desaparecimento chegasse às mil partilhas, na rede social. O jovem norte-americano prometeu ainda levar uma dúzia de donuts, caso os agentes da cidade de Redford conseguissem ganhar a aposta.

    SIC