sicnot

Perfil

Desporto

Erica Gomes conquista prata nos Mundiais de atletismo adaptado

Peter Cziborra

A portuguesa Erica Gomes conquistou esta segunda-feira a medalha de prata na prova de salto em comprimento da categoria T20 (deficiência intelectual) dos Mundiais de atletismo do Comité Paralímpico Internacional, que estão a decorrer em Londres.

Erica Gomes fez a sua melhor marca à quinta e última tentativa, com 5,48 metros, tendo alcançado novo recorde pessoal, à frente da sua compatriota Ana Filipe, que ficou com o bronze, após ter saltado 5,26.

O ouro foi para a croata Mikela Ristoski, que fez 5,66 metros.

Cláudia Santos, que fez apenas dois saltos válidos, concluiu a participação portuguesa com o nono lugar da final, tendo ficado com 4,66 metros.

No salto em comprimento de T38, Maria Fernandes alcançou a sua melhor marca da temporada, com 4,28 metros, mas não conseguiu fugir ao sexto e último lugar da final.

Nos 400 metros femininos de T20, Carina Paim qualificou-se para a final, após ter sido terceira classificada da sua série, com o tempo de 1.01,86 minutos.

Também nos 400 metros T20, mas em masculinos, Luís Gonçalves assegurou a presença na final de sábado, apesar ter terminado a sua série na segunda posição. Apenas o primeiro lugar dava acesso direito, mas o português foi repescado por ter feito o segundo melhor tempo (49,84 segundos) das meias-finais.

Lusa

  • A casa dos horrores
    7:57
  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45

    País

    Durante a abertura do ano judicial, a Procuradora-Geral da República e o presidente do Supremo Tribunal aproveitaram para deixar um recado à ministra da Justiça: é urgente aprovar o novo estatuto de juízes e magistrados. O presidente do Supremo diz que é injusta a má imagem da Justiça e pediu contenção aos magistrados.

  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21
  • "Mundo à Vista" no Gana
    7:38