sicnot

Perfil

Desporto

Frederico Morais eliminado na segunda ronda em Teahupo'o, Polinésia Francesa

O português Frederico Morais foi hoje eliminado na segunda ronda do Billabong Pro Tahiti, na Polinésia Francesa, sétima etapa do circuito mundial de surf, ao perder com o norte-americano Nat Young.

Três semanas depois de se ter tornado o primeiro português a atingir uma final do circuito mundial, Frederico Morais ficou desta vez pela ronda de repescagem em Teahupo'o, na ilha de Taiti, contabilizando apenas 8,93 pontos (4,50 e 4,43) contra os 10,74 (6,67 e 4,07) de Nat Young.
Na primeira ronda, marcada por ondas mais pequenas do que o habitual em Teahupo'o, o português já tinha sido do terceiro da sua 'bateria', com 9,56 pontos, sendo relegado para a ronda de repescagem juntamente com o Michel Bourez, surfista da 'casa', que totalizou 10,67, enquanto o brasileiro Ian Gouveia, com 15,00, passou diretamente à terceira eliminatória.
'Kikas', que chegou a esta prova no 12.º lugar da classificação do circuito mundial, termina a prova em 25.º e soma mais 500 pontos, aguardando pelo desfecho da competição para conhecer a sua posição após esta sétima etapa.
Após seis provas, o australiano Matt Wilkinson lidera, com 31.950 pontos, seguido do havaiano John John Florence (31.700) e do sul-africano Jordy Smith (31.350).
A oitava das 11 provas do circuito mundial será o Hurley Pro at Trestles, em San Clemente, Califórnia (EUA), cujo período de espera se situa entre 06 e 17 de setembro.

Lusa

  • Negligência é a principal causa dos incêndios
    1:32

    País

    A Polícia Judiciária deteve mais dois suspeitos de fogo posto este fim de semana. Ao todo já foram detidas pelo menos 99 pessoas pelas autoridades desde o início do ano, a maioria suspeitas de agirem intencionalmente. Mas desde 1 de janeiro até meados deste mês, dos 8 mil incêndios investigados pela GNR, mais de 3.300 tiveram causa negligente. 

  • Concentração de motos em Góis
    2:28

    País

    Durante este fim de semana, decorre uma das concentrações de motards mais concorridas do país. A organização esperava cerca de 20 mil visitantes em Góis.