sicnot

Perfil

Desporto

Olímpicos em Paris em 2024 e Los Angeles em 2028

Mariana Bazo

O Comité Olímpico Internacional (COI) anunciou esta quarta-feira oficialmente a atribuição dos Jogos Olímpicos de 2024 a Paris e dos de 2018 a Los Angeles, confirmando o já conhecido acordo entre as duas cidades e o COI nesse sentido.

A oficialização da decisão foi hoje feita em Lima, numa assembleia que votou por unanimidade o acordo a que se tinha chegado.Paris foi candidato derrotado em 1992, 2008 e 2012.

Receberá os Jogos um século depois da última - organizou em 1900 e 1924.

Los Angeles também vai para terceira edição, depois da cidade californiana ter sido a sede em 1932 e 1984.Ambas as cidades se apresentaram para 2024, a par de Hamburgo, Roma e Budapeste, que viriam a renunciar à corrida.

Nesse contexto, o COI tudo fez para preparar uma inédita e pacífica dupla atribuição.

"É a forma de não eliminar uma de duas excelentes candidaturas", disse Thomas Bach, presidente do organismo.Em julho, e com a França inflexivel quanto a 2024, Los Angeles procurou o consenso e atrasou a sua candidatura para 2028.

Os 84 membros do COI hoje presentes no Peru não tiveram dúvida em validar a repartição, considerada importante numa altura de penúria de candidaturas.

Segundo o acordo tripartido, entre as cidades e o COI, os Jogos de Los Angeles recebem 1,5 mil milhões de euros e os de Paris cerca de 100 milhões menos.

Ambos os comités de candidatura prometem Jogos modestos, assentes em infraestruturas existentes.

Os orçamentos são inferiores às contas das duas últimas edições: mais de 11 mil milhões para Londres e Rio de Janeiro, 6,6 mil milhões para Paris e 4,5 mil milhões para Los Angeles.

Lusa

  • "Se estivesse a governar estaria preocupado com o futuro e não só com o presente"
    7:46
  • PS e PSD trocam acusações sobre Tancos
    1:18
  • Homens vítimas de violência doméstica
    31:17
  • Marcelo mergulha na baía de Luanda
    0:45
  • Défice chegou aos 2.034 milhões em agosto
    1:51

    Economia

    O défice do Estado caiu 1.900 milhões de euros até agosto, em comparação com o ano passado. A recuperação da economia ajudou a baixar o défice, com mais receitas e impostos acima do esperado. Já a despesa pública ficou praticamente inalterada e os pagamentos do Estado em atraso subiram.

  • EUA negam ter declarado guerra à Coreia do Norte

    Mundo

    Os Estados Unidos negaram esta segunda-feira ter declarado guerra à Coreia do Norte e frisaram que Pyongyang não pode disparar contra os seus aviões em águas internacionais, em resposta a uma ameaça do ministro dos Negócios Estrangeiros norte-coreano.

  • Morreu a egípcia que chegou a pesar 500 quilos

    Mundo

    A egípcia Eman Ahmed Abd El Aty, de 37 anos, que chegou a pesar 500 quilos, morreu num hospital de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, devido a complicações cardíacas na sequência do seu excesso de peso.