sicnot

Perfil

Desporto

Treinador do Swansea desapontado por não contar com Renato Sanches no próximo jogo

Rebecca Naden

O treinador do Swansea, Paul Clement, está desapontado por não poder contar com o internacional português Renato Sanches, que se lesionou pela seleção portuguesa, para a receção ao Huddersfield, sábado, na oitava jornada da Liga inglesa de futebol.

"É dececionante porque ele [Renato Sanches] tem vindo a melhorar de jogo para jogo o seu rendimento, mas se ele falhar a partida de sábado, há altas probabilidades de já podermos contar com ele no próximo fim de semana", disse Paul Clement a propósito do internacional português, que ficou fora do primeiro embate de Portugal frente a Andorra (2-0), no sexta-feira, de qualificação para o Mundial2018, devido a uma mialgia na coxa.

No entanto, o médio emprestado pelo Bayern Munique à equipa da 'Premier League', já fez parte dos 23 convocados para o segundo jogo da seleção lusa, na terça-feira, frente à Suíça (vitória também por 2-0), e dado como apto, tanto mais que o selecionador Fernando Santos deixou de fora Bruno Fernandes e Luís Neto.

Seja como for, Clement parece ter dúvidas acerca da condição física do jogador português: "O Renato é uma grande dúvida para este fim de semana, depois de ter contraído uma pequena distensão muscular na coxa num dos treinos da seleção portuguesa. Parece que isso o poderá afastar do jogo de sábado, mas ainda não estamos a 100% certos disso".

O Swansea recebe no sábado o Huddersfield e ocupa o 18º lugar da tabela classificativa da Liga inglesa, o primeiro abaixo da 'linha de água', com cinco pontos, os mesmos do 17º, o Leicester, mais um do que o penúltimo, o Bournemouth, e mais cinco do que o 'lanterna vermelha' Crystal Palace, que ainda não pontuou e contra quem a equipa de Renato Sanches obteve a única vitória na prova.

O Swansea soma quatro derrotas, dois empates e uma vitória ao fim de sete jornadas.

Lusa

  • Negócios do fogo
    22:00

    Reportagem Especial

    Todos os anos, o Estado gasta centenas de milhões de euros para financiar os meios de combate aos incêndios. A reportagem especial da SIC denuncia falta de rigor e clareza em muitos dos negócios.

  • Porque têm as tempestades nomes?
    0:49

    País

    As tempestades passaram a ter um nome, partilhado pelos serviços de meteorologia de Portugal, França e Espanha. Nuno Moreira, chefe de divisão de previsão meteorológica do IPMA, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias para explicar que este método é também uma forma de sinalizar a dimensão das tempestades.

  • "Não podemos gastar o dinheiro e depois os filhos e os netos é que pagam"
    2:05

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o reembolso antecipado ao FMI. O comentador da SIC defendeu que seria mais vantajoso se Portugal reembolsasse mais depressa, antes da subida das taxas de juro. Miguel Sousa Tavares considerou ainda que o reembolso da dívida é uma boa notícia, pois seria "desleal" deixar a dívida para "os filhos e os netos" pagarem.

    Miguel Sousa Tavares

  • Os efeitos da tempestade Ana em Portugal
    1:43
  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59

    Mundo

    A tempestade Ana não causou apenas estragos em Portugal, mas também na Galiza, com a queda de árvores e cheias nas zonas ribeirinhas. No norte da Europa, as baixas temperaturas provocaram fortes nevões e paralisaram a Grã-Bretanha, com voos cancelados, escolas fechadas e estradas cortadas.