sicnot

Perfil

Desporto

"O meu pai batia-me, cuspia-me, puxava-me o cabelo e insultava-me"

Tim Wimborne

A tenista Jelena Dokic denunciou os abusos que sofreu por parte do pai durante 13 anos. De acordo com a autobiografia da antiga campeã de ténis, o pai cuspia-lhe, agredia-a fisicamente, com pontapés e puxões de cabelo, e verbalmente. A tenista nascida na Croácia e naturalizada australiana revelou ainda que uma vez chegou a desmaiar com as agressões.

Jelena Dokiv descreveu Damir Dokic, mentor desportivo da tenista, como "um pai do ténis que veio do inferno".

No livro, a australiana de 34 anos revelou que as agressões começaram quando pegou na raquete de ténis, aos seis anos. Contudo, não eram só as agressões físicas a que esteve sujeita até aos 19 anos, altura em que conseguiu escapar às mãos de Damir Dokic e fugiu de casa, deixando para trás todo o dinheiro que tinha ganho. A tenista sofria também com as agressões verbais.

Segundo o The Sun, Damir Dokic foi banido do circuito feminino de ténis durante seis meses, em 2000, após uma série de explosões de raiva nos courts. O pai esteve ainda envolvido num confronto físico com a equipa de filmagem, no Open de Austrália, e foi expulso de Winbledon depois de destruir um telemóvel de um jornalista.

Damir Dokiv vive na Sérvia e foi detido em 2009, depois de ameaçar o embaixador australiano daquele país com uma granada.

Kieran Doherty

"Não foi a dor física que me magoou mais, mas sim a dor psicológica", revelou a tenista, citada pelo jornal inglês. "Ele disse que eu era uma desgraça e uma vergonha e que não podia ir para casa."

Aos 17 anos, sem lugar algum para onde ir, Jelena Dokiv teve de inventar lugares para dormir à noite e para passar o tempo, sem ser em casa.

A tenista recorda a pior agressão física da parte do pai, que aconteceu em 2000, depois de perder na primeira ronda no Open do Canadá. "É uma memória horrível que vai ficar comigo para sempre... Acabei por desmaiar, ele bateu-me mesmo muito."

"Quanto melhor jogava, pior ele ficava. O que é aquilo que não percebo."

  • Vitória de Guimarães na Áustria em busca do apuramento na Liga Europa
    1:47
  • Árbitros recuam e vão apitar jogos do próximo fim de semana

    Desporto

    Os árbitros recuaram esta quarta-feira na intenção de não comparecer nos jogos do próximo fim de semana. Depois de na terça-feira a maioria dos juízes terem apresentado um pedido de dispensa dos jogos da 12.ª jornada do campeonato, esta quarta-feira adiaram a decisão após uma reunião com o Conselho de Arbitragem.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • O que aprendemos com secas anteriores?
    32:50

    País

    A água é um recurso essencial para todos os organismos vivos, comunidades e atividades económicas. Num país com situações de secas recorrentes, que tendem a ser agravadas pelas alterações climáticas, o que aprendemos com anteriores episódios de escassez de água? Como usar a água para que não falte no futuro? "Água Sob Pressão" foi o tema desta Grande Reportagem, de Carla Castelo (jornalista), Manuel Ferreira (Imagem), Gonçalo Freitas (Edição de imagem), Paulo Alves (Grafismo) e Isabel Mendonça (Produção), exibida na SIC em julho de 2012 (que também foi um ano de seca, ainda que menos grave do que a atual).

  • Jorge Jesus e Ana Malhoa contra o consumo de sal
    1:21
  • Diminuem as hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino
    3:09

    Mundo

    As hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino, desaparecido há 8 dias, começaram a diminuir, uma vez que o chamado "tempo de segurança" já foi ultrapassado. A Marinha portuguesa está a acompanhar o caso do submarino que está desaparecido há oito dias. As hipóteses de salvar os tripulantes vão diminuindo.