Desporto

Benfica proibido de perder pontos em Braga

Ivan Sekretarev

O Benfica está hoje 'proibido' de perder pontos no estádio do Sporting de Braga, na 18.ª jornada da I Liga de futebol, sob pena de poder deixar escapar FC Porto e Sporting, rivais na luta pelo título.

O tetracampeão nacional ocupa o terceiro lugar, a cinco pontos do líder FC Porto e a três do Sporting, que defrontam no arranque da segunda volta adversários da 'cauda' da classificação, respetivamente, o Desportivo das Aves, 14.º classificado, no domingo, e o lanterna-vermelha Estoril-Praia, na segunda-feira.

O Benfica, pelo contrário, mede forças com o quarto posicionado, que poderá igualar os 'encarnados' caso se imponha no jogo de hoje, mas, para isso, terá de evitar o desfecho das últimas temporadas, nas quais a equipa lisboeta saiu vitoriosa, sempre sob o comando técnico de Rui Vitória.

Já eliminada de todas as outras provas em que participou (Liga dos Campeões, sem 'despromoção' para a Liga Europa sequer, Taça de Portugal e Taça da Liga), o Benfica encontra no campeonato e na perspetiva de um inédito 'penta' a possibilidade de salvar a época.

O outro jogo marcado para hoje opõe duas equipas em situação diversa: o Paços de Ferreira, antepenúltimo colocado e que será dirigido por Filipe Anunciação, já com o novo treinador João Henriques, que substituiu Petit, na bancada, recebe o Marítimo, que se pode isolar no quinto lugar.

Calendário dos jogos da 18.ª jornada

Programa da 18.ª jornada da I Liga:- Sexta-feira, 12 jan:Desportivo de Chaves -- Vitória de Guimarães, 4-3- Sábado, 13 jan:Paços de Ferreira -- Marítimo, 18:15 (SportTV)Sporting de Braga -- Benfica, 20:30 (SportTV)- Domingo, 14 jan:Boavista -- Portimonense, 16:00 (SportTV)Tondela -- Feirense, 16:00 (SportTV)Belenenses -- Rio Ave, 18:00 (SportTV)Sporting -- Desportivo das Aves, 20:15 (SportTV)- Segunda-feira, 15 jan:Moreirense -- Vitória de Setúbal, 19:00 (SportTV)Estoril-Praia -- FC Porto, 21:00 (SportTV)

  • PAN apela à fiscalização da lei que impede autarquias de abater animais sem dono
    2:25

    País

    A partir de 23 de setembro, as câmaras municipais deixarão de poder abater animais errantes, os chamados vadios, sem dono. O PAN alerta para a necessidade de fiscalização, numa altura em que 145 municípios portugueses ainda não dispõem de centros de recolha oficial, nem estabeleceram protocolos com outras entidades, o que resulta no abate de milhares de animais.