sicnot

Perfil

Desporto

A Justiça e o futebol: os processos que envolveram os presidentes de Benfica, FC Porto e Sporting

A Justiça e o futebol: os processos que envolveram os presidentes de Benfica, FC Porto e Sporting

A Operação Lex é apenas mais uma das investigações judiciais a presidentes de clubes. Os líderes de Benfica, FC Porto e Sporting já foram investigados em diferentes processos.

Luís Filipe Veira foi constituído arguido duas vezes: em 2006, no caso Mantorras, por causa da transferência do Alverca para o Benfica; e em 2009, por uma dívida de cerca de 20 milhões de euros ao BPN.

No último ano, ainda sob investigação, está o caso dos e-mails.

Pinto da Costa esteve envolvido no caso Apito Dourado. Os 16 arguidos foram absolvidos e o presidente do FC Porto processou o Estado.

Pinto da Costa também foi absolvido na Operação Fénix, que julgava crimes de associação criminosa e exercício ilícito de atividade de segurança privada.

Bruno de Carvalho não foi constituído arguido nem julgado mas é suspeito de tráfico de influências e de ter recebido uma comissão na transferência do japonês Tanaka, que jogou no Sporting entre 2014 e 2016.

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.