sicnot

Perfil

Economia

IRS em papel a partir de segunda-feira

O início do prazo de entrega das declarações do Imposto sobre o Rendimento de Pessoas Singulares (IRS) relativas a 2014 em formato de papel arranca hoje, mas na prática os contribuintes só poderão fazê-lo na segunda-feira.

Nesta primeira fase, a entrega da declaração de IRS do ano passado aplica-se aos rendimentos das categorias A e H.


Apesar de o prazo começar oficialmente hoje, na prática só a partir de segunda-feira é que é possível entregar a declaração do imposto, uma vez que as repartições de Finanças estão encerradas ao domingo.


O prazo para a entrega do IRS dos rendimentos das categorias A e H em papel termina a 31 de março.

Lusa
  • Subida de escalão no IRS pode anular reposição dos cortes
    1:46

    Economia

    Os funcionários públicos começam hoje a receber os 20% dos cortes nos salários. Mas, em alguns casos, há trabalhadores do Estado que estão a receber menos dinheiro do que em dezembro. É que o aumento do salário bruto faz subir também o valor de descontos para o IRS, porque há subida de escalão.

  • Como ter mais deduções no IRS
    8:49

    Contas Poupança

    Este ano, muita coisa vai mudar no IRS. O Governo diz que ninguém vai ser prejudicado e que as famílias que ganham menos e as que têm filhos vão ser beneficiadas, mas para que isso aconteça, este ano, os contribuintes vão ter de se habituar a novas regras. O Contas-Poupança explica-lhe o que muda e como pode ter mais deduções.

  • O que fazer para garantir o máximo de reembolso no IRS
    8:01

    Contas Poupança

    Na semana passada, o Contas-Poupança explicou-lhe o que muda no IRS de 2015. Hoje, a rubrica mostra-lhe como pode acompanhar e garantir na internet, ao longo deste ano, que vai receber o máximo de reembolso possível em 2016. No entanto, há muitas dúvidas sobre o que fazer, por exemplo, com faturas de material escolar comprado num hipermercado ou o que acontece com as despesas de pais divorciados.

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.