sicnot

Perfil

Economia

Barclays registou prejuízos líquidos de 234 milhões de euros em 2014

O banco Barclays registou prejuízos liquídos de 174 milhões de libras (239 milhões de euros) em 2014, devido aos elevados custos associados ao alegado papel alegadamente fraudulento do banco britânico nos mercados de câmbios, foi hoje anunciado. 

O Barclays emprega atualmente 1464 pessoas em Portugal na área de retalho e conta com 147 agências bancárias.

O Barclays emprega atualmente 1464 pessoas em Portugal na área de retalho e conta com 147 agências bancárias.

Kirsty Wigglesworth

Em 2013, o Barclays tinha obtido resultados liquídos de 540 milhões de libras. 

Entretanto, o banco obteve resultados antes de impostos de 5.502 milhões de libras (7.554 milhões de euros), mais 12% do que no ano anterior, quando se tinham cifrado em 4.908 milhões de libras (6.738 milhões de euros).

Contudo, as receitas operacionais cairam em 2014, para 23.560 milhões de libras (32.347 milhões de euros), menos 5% do que no ano anterior. 

O presidente executivo do Barclays, Antony Jenkins, afirmou hoje que o banco é atualmente um "negócio mais forte" e "com melhores perspetivas" em relação à crise do crédito de 2008. 

"Apesar do nosso trabalho de transformar o banco não estar completo, o nosso rendimento em 2014 dá-nos confiança de que estamos no caminho certo", sublinhou Jenkins. 

Segundo o mesmo responsável, a área dse investimento registou um bom rendimento e a entidade conseguiu uma "significativa redução" de custos em 2014, assim como fortalecer o capital. 

Num comunicado enviado à Bolsa de Londres, o Barclays refere que criou provisões de 1.250 milhões de libras "para investigações em curso e defesa associados ao mercado de câmbios", incluindo 750 milhões de libras no último trimestre do ano. 

Em outubro último o Barclays tinha anunciado a constituição de uma provisão de 500 milhões de libras para eventuais custos e multas associadas ao escandâlo.  

A apresentação dos resultados do Barclays - que também esteve envolvido em 2012 no escandâlo de manipulação das taxas de juro 'Libor' e 'Euribor' entre 2005 e 2009 - quando reguladores de todo o mundo investigam as alegadas fraudes no mercado das taxas de câmbio em todo o mundo. 

  • Incêndios em Portugal - um mês depois
    9:10

    Reportagem Especial

    Regressar a casa para refazer a vida é tudo o que querem as famílias a quem o fogo levou quase tudo, há cerca de um mês. Contudo, esse regresso não tem sido fácil. Depois dos incêndios, famílias e empresas ainda têm de vencer as burocracias. A Reportagem Especial deste sábado regressa a Seia, onde arderam mais de 70 casas de primeira habitação e onde a vida de muitos parece ter entrado num impasse.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.