sicnot

Perfil

Economia

Acionistas da Oi debatem permuta de ações com a PT SGPS a 26 de março

A administração da Oi convocou os acionistas para debater, no dia 26 de março, em assembleia-geral, a permuta de ações com a operadora portuguesa PT SGPS, divulgou hoje a empresa brasileira.

(Lusa)

Num comunicado publicado hoje na página online da Oi, a administração da operadora brasileira informa que na ordem de trabalhos da assembleia-geral de 26 de março está a aprovação dos termos e condições da permuta de ações com a PT SGPS. 

Na semana passada, o regulador do mercado brasileiro aprovou a permuta de ações entre a Oi e a PT SGPS, autorizando assim a redução da participação da empresa portuguesa na CorpCo, que resultará da combinação de negócio entre as duas operadoras. 

Na assembleia-geral, "cada ação ordinária e cada ação preferencial terá direito a um voto", sendo que CVM determinou na altura que a PT SGPS não terá direito de voto. 

Esta permuta de ações resulta do 'buraco' de 897 milhões de euros deixado pela RioForte nas contas da PT SGPS, já que a 'holding' do Grupo Espírito Santo (GES) entrou em insolvência e não devolveu o montante investido à operadora portuguesa.

No final do ano passado, e em resposta a um pedido de esclarecimento da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o regulador do mercado português, a PT SGPS disse que detém 39,73% da Oi, mas que depois da combinação de negócios entre as duas operadoras ficará apenas com uma posição de 25,58% na nova empresa, a CorpCo.


Lusa
  • "O que é isto, mamã?"
    36:23
  • O ensino à distância em Portugal
    4:12

    País

    Em Portugal, o ensino básico e secundário à distância já conta com 300 alunos e com a preciosa ajuda das novas tecnologias. É através do computador que a escola viaja e acompanha os alunos, alguns com doenças que não os permitem ir às aulas, outros que são atletas de alta competição e que têm a maior parte do tempo ocupado por treinos ou ainda os que fazem parte de famílias itenerantes, como é o caso dos que vivem no circo e andam de terra em terra.

  • Aprender a jogar badminton ao ritmo do samba
    2:54

    Mundo

    No Brasil, a correspondente da SIC foi conhecer um projeto social no Rio de Janeiro que mistura samba e desporto. Um desporto que ainda é pouco praticado mas que tem sido fundamental para transformar a vida de jovens das favelas e para descobrir novos talentos do badminton brasileiro.

    Correspondente SIC