sicnot

Perfil

Economia

Produção industrial sobe 1,2% na zona euro em janeiro e cai 1,8% em Portugal

A produção industrial aumentou 1,2% na zona euro em janeiro deste ano, face ao mesmo mês do ano passado, enquanto em Portugal manteve a tendência negativa e caiu 1,8%, segundo o Eurostat.

© China Daily China Daily Infor

De acordo com os dados divulgados hoje pelo gabinete de informação estatística europeu sobre o desempenho da indústria europeia em janeiro, a produção industrial subiu 1,2% na zona euro em termos homólogos, mas recuou 0,1% se a comparação for feita com o mês anterior (dezembro de 2014).

Em Portugal, comparando janeiro deste ano com janeiro do ano passado, a produção industrial caiu 1,8%, perfazendo o terceiro mês consecutivo negativo. 

Já na variação em cadeia, janeiro face a dezembro, a produção industrial avançou 1,2% em Portugal, voltando a terreno positivo após dois meses negativos.

Quanto no total dos 28 países da União Europeia, a produção industrial aumentou 1,5% e termos homólogos e ficou estável na comparação mensal (0,0%). 

Já os Estados-membros com melhor desempenho em termos homólogos foram Irlanda (+8,8%), Malta (+8,1%) e Hungria (+7,8%), enquanto as maiores baixas se registaram na Croácia (-4,9%), Finlândia (-4,2%) e Letónia (-3,5%). 

Na comparação mensal, destaque para os avanços de Malta (+6,1%), Hungria (+4,3%) e Bulgária (+2,0%) e as quedas de Croácia (-4,0%), Letónia (-3,1%), Finlândia (-2,5%) e Lituânia (-2,3%).


Lusa
  • Mergulhadores espanhóis e forenses envolvidos nas buscas no rio Minho
    0:35

    País

    A Polícia Marítima confirmou à SIC que já estão a ser efetuados os primeiros mergulhos à superfície com uma equipa de mergulhadores espanhóis, que foram os primeiros a chegar a local. Durante a tarde desde domingo deve chegar ao local a equipa de mergulhadores forenses de Lisboa para ajudaram nas operações de busca ao pescador que desapareceu ontem à noite de em Alvaredo, concelho de Melgaço, no distrito de Viana do Castelo.

  • Portugal vai testar capacidade de resposta a ciberataque
    0:22

    País

    O exercício está marcado para os dias 09 e 10 de maio e é o primeiro a nível nacional a testar um ciberataque em Portugal. O teste é organizado pelo Centro Nacional de Cibersegurança (CNCS) para apurar "o "grau de preparação" das várias entidades públicas e privadas, mas já conclusões a ter em conta. Segundo o coordenador do CNCS, Pedro Veiga confirma-se tendência para os ataques serem cada vez mais sofisticados e é preciso alertar a população para o que publicam na internet e se pode colocar em risco a privacidade e a segurança.

  • As suspeitas que recaem sobre Ricardo Salgado e Manuel Pinho
    2:00