sicnot

Perfil

Economia

Subir Lall insiste na necessidade de mudanças no sistema de pensões

Subir Lall insiste na necessidade de mudanças no sistema de pensões

Subir Lall considera que o chumbo do Tribunal Constitucional à convergência de pensões não deve ser um impedimento para que a discussão seja retomada. O chefe de missão do FMI insiste que é preciso avançar com a reforma do sistema de pensões, uma vez que muito do ajustamento do lado da despesa ainda está por fazer.

  • Portugal deve aproveitar o momento para resolver problemas estruturais, diz chefe do FMI
    1:29

    Economia

    O chefe da missão do FMI considera que Portugal está no bom caminho e defende que o actual ambiente externo, de baixa do petróleo e do euro não deve ser desperdiçado. Em entrevista exclusiva à SIC, Subir Lall avisa que o Governo deve aproveitar o momento para resolver os problemas estruturais da economia, que ainda persistem, relançando a agenda de reformas. Uma entrevista para ver hoje às 21:30 na SIC Notícias.

  • Subir Lall acredita em consenso político para avanço de reformas
    1:45

    Economia

    O chefe de missão do FMI está otimista quanto ao consenso necessário para relançar as reformas estruturais. Apesar do apelo surgir num ano de eleições, Subir Lall lembra que o processo de reformas é longo e transcende ciclos políticos, pelo que exigirá um acordo entre os principais partidos políticos. Uma entrevista exclusiva para ver hoje às 21:30 na SIC Notícias.

  • FMI avisa que podem ser necessárias medidas adicionais em 2015
    1:31

    Economia

    O FMI avisa que podem ser necessárias medidas adicionais, este ano, para chegar a um défice inferior ao limite de 3%. Ainda assim, Subir Lall desdramatiza e diz que essas medidas não deverão ser drásticas. O chefe da missão do FMI em Portugal defende que sejam pequenas recalibragens do orçamento que não ponham em causa o crescimento económico.

  • Um pedido de desculpas aos portugueses e um ultimato ao Governo
    3:21
  • Vouzela tenta regressar à normalidade, 8 pessoas morreram no concelho
    2:28

    País

    No concelho de Vouzela, a população começa a voltar à normalidade. Aos poucos a luz e a água estão a voltar e as pessoas começam a ganhar forças para reconstruir aquilo que lhes foi tirado pelos fogos. No entanto, as feridas demoram a sarar e não será fácil esquecer que 80 a 90 por cento deste concelho foi destruído pelos incêndios e oito pessoas morreram.

  • Material de guerra de Tancos encontrado, faltam munições
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • Madrid admite suspender autonomia da Catalunha
    1:51
  • Alemanha já tem uma versão de Donald Trump... em cera
    1:08