sicnot

Perfil

Economia

António Costa em Bruxelas com "Plano Juncker" e união energética na agenda

O secretário-geral do PS, António Costa, participa na quinta-feira, em Bruxelas, na reunião de líderes do PSE preparatória do Conselho Europeu, tendo na agenda os temas do plano de investimento europeu e da união energética.

António Costa e o secretário-geral dos socialistas espanhóis, Pedro Sanchez, de acordo com fonte do PS, serão os dois únicos líderes que participarão na reunião preparatória que não fazem parte do Governo do respetivo de Estado-membro, nem desempenham qualquer cargo numa das instituições da União Europeia.

António Costa e o secretário-geral dos socialistas espanhóis, Pedro Sanchez, de acordo com fonte do PS, serão os dois únicos líderes que participarão na reunião preparatória que não fazem parte do Governo do respetivo de Estado-membro, nem desempenham qualquer cargo numa das instituições da União Europeia.

Lusa

António Costa e o secretário-geral dos socialistas espanhóis, Pedro Sanchez, de acordo com fonte do PS, serão os dois únicos líderes que participarão na reunião preparatória que não fazem parte do Governo do respetivo de Estado-membro, nem desempenham qualquer cargo numa das instituições da União Europeia.

"Com a abertura da reunião a António Costa e Pedro Sanchez, o PSE pretende sinalizar a importância que atribui a uma mudança política, este ano, nos dois países da Península Ibérica", adiantou a mesma fonte socialista.

Na reunião, entre outros, estarão presentes o chefe de Estado francês, François Hollande, os primeiros-ministros da Áustria, Croácia, Dinamarca, Malta, República Checa e Suécia, os comissários socialistas que fazem parte do executivo comunitário liderado por Jean-Claude Juncker, o vice-chanceler germânico, Sigmar Gabriel, e o presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz. 

Além do tema da união energética, os líderes socialistas vão procurar chegar ao Conselho Europeu com uma posição concertada sobre a estratégica de crescimento e emprego na União Europeia.

Nas últimas semanas, em sucessivas intervenções políticas, a direção do PS tem procurado salientar a importância de Portugal aproveitar em pleno o chamado 'Plano Juncker", acreditando que essa será uma das vias para o país ter a prazo uma maior capacidade de investimento capaz de impulsionar o crescimento económico.

Em análise estarão também a questão da parceria transatlântica de comércio (acordo comercial entre a União Europeia e os Estados Unidos), a cimeira de Riga e o conflito entre a Rússia e a Ucrânia.

À margem desta reunião, segundo o PS, António Costa terá ainda em Bruxelas duas reuniões bilaterais com o líder dos socialistas espanhóis, Pedro Sanchez, e com o presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz.
  • Portugal a tremer de frio
    3:07

    País

    Portugal continua a registar temperaturas negativas, sobretudo no Norte do país. Em Trás-os-Montes, por exemplo, marcaram mínimas de 11 graus abaixo de zero e os termómetros desceram tanto que congelaram rios, canalizações de água e até aquecimentos de escolas. Mas nem tudo é mau pois os produtores falam em boa época para curar fumeiro.

  • Michelle Obama partilhou momento de despedida da Casa Branca
    1:43
  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Podem as plantas ver, ouvir e até reagir?

    Mundo

    Um professor de Ciências Vegetais da Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, passou quatro décadas a investigar as relações entre vegetais e insetos. Na visão de Jack Schultz, as plantas são "como animais muito lentos", que conseguem ver, ouvir, cheirar e até têm comportamentos próprios.

  • Zoo da Indonésia acusado de querer matar ursos à fome

    Mundo

    Um grupo de ativistas da Indonésia acusa o Jardim Zoológico de Bandung de estar a matar à fome os seus animais, incluindo os ursos-do-sol, para ser fechado. Um vídeo recentemente publicado mostra os ursos, que aparecem muito magros e a implorar por comida.