sicnot

Perfil

Economia

Juros da dívida de Portugal a descer a dois anos para mínimos de sempre

Os juros da dívida portuguesa estavam esta sexta feira a cair em todos os prazos, a dois anos para mínimos de sempre, alinhados com os juros da Irlanda, Itália e Espanha.

© Yves Herman / Reuters

Hoje, cerca das 08:40 em Lisboa, os juros da dívida portuguesa a dez anos estavam a descer para 1,738%, contra 1,783% na quinta-feira. O mínimo de sempre foi de 1,560%, a 13 de março passado.                 

Os juros a cinco anos também estavam a cair, para 1,005%, contra 1,026% na quinta-feira, enquanto o mínimo de sempre foi de 0,823% a 12 de março.

No mesmo sentido, os juros a dois anos estavam a cair para 0,091%, um mínimo de sempre, contra 0,110% na quinta-feira. 

A 9 de março passado, o Banco Central Europeu (BCE) arrancou com um programa sem precedentes de compra de dívidas soberanas e privadas, que vai permitir injetar 60 mil milhões de euros por mês, até, pelo menos, setembro de 2016, na economia da zona euro na esperança de a redinamizar.        

Os efeitos do programa fizeram sentir-se por antecipação há várias semanas nas taxas de juro das dívidas soberanas, que evoluem em sentido inverso ao da procura e têm renovado mínimos diariamente. Algumas das taxas tornaram-se negativas nos prazos mais curtos, ou seja, os investidores estão dispostos a pagar para deter estes títulos considerados muito seguros.   

A 17 de maio de 2014, Portugal abandonou oficialmente o resgate sem qualquer programa cautelar.

O programa de ajustamento solicitado por Portugal à troika (Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional), no valor de 78 mil milhões de euros, esteve em vigor durante cerca de três anos.

Os juros da dívida soberana da Irlanda estavam a cair a cinco e dez anos, bem como os de Itália e de Espanha em todos os prazos. 

Em relação aos juros da Grécia, estes estavam a subir a cinco anos e a cair a dez anos, para valores em torno dos 15,8% e de 11%, respetivamente.


Juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Irlanda, Itália e Espanha cerca das 08:40:
      

              2 anos... 5 anos... 10 anos 

Portugal 

27/03..... 0,091......1,005....1,738

26/03..... 0,110......1,026....1,783


Grécia 

27/03..... n disp....15,843...11,037

26/03..... n disp....15,504...11,089


Irlanda

27/03......n disp......0,246....0,772

26/03......n disp......0,248....0,781


Itália

27/03......0,238......0,596....1,303

26/03......0,244......0,603....1,312

 
Espanha

27/03......0,067......0,571....1,250

26/03......0,079......0,581....1,266

  • Detido dono do cão que feriu criança com gravidade

    País

    O dono do cão de raça Rottweiler que esta terça-feira feriu com gravidade uma criança de 4 anos em Matosinhos foi detido pela PSP e o animal já foi recolhido no canil municipal, informou fonte oficial da autarquia.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.