sicnot

Perfil

Economia

Juros da dívida de Portugal caem em todos os prazos

Os juros da dívida portuguesa estavam hoje a cair a dois, cinco e dez anos, uma tendência que se estende à Irlanda, mas que não é acompanhada pela Espanha, Itália e Grécia.

(Reuters/Arquivo)

(Reuters/Arquivo)

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

Hoje, cerca das 10:00 em Lisboa, os juros da dívida portuguesa a dez anos caíam para 1,622%, contra 1,623% na quarta-feira. O atual mínimo de sempre é 1,560% e foi registado a 13 de março.

 

A tendência a dois anos dos juros da dívida portuguesa negociados no mercado secundário era igualmente de queda para 0,012%, contra 0,030% na sessão anterior.

 

Entretanto, os preços para a emissão de dívida que tem maturidade a 15 de outubro de 2016 e que é utilizado como referência para a atual dívida soberana portuguesa a dois anos "tem uma yield (rendimento oferecido ao investidor) negativa", disse à agência Lusa o analista do Banco Carregosa Filipe Garcia.

 

Sendo assim, a taxa de juro da dívida tocou esta manhã num valor negativo de 0,04%, o mais baixo desde a criação zona euro.

 

Já os juros na maturidade dos cinco anos estavam também a cair, para 0,774%, contra 0,765% na quarta-feira.

 

Trata-se de títulos que estão a ser negociados entre os investidores e não emissões reais pelo Estado português.

 

A 09 de março passado, o Banco Central Europeu (BCE) arrancou com um programa sem precedentes de compra de dívidas soberanas e privadas, que vai permitir injetar 60.000 milhões de euros por mês, até, pelo menos, setembro de 2016, na economia da zona euro na esperança de a redinamizar.

 

Os efeitos do programa fizeram sentir-se por antecipação há várias semanas nas taxas de juro das dívidas soberanas, que evoluem em sentido inverso ao da procura e têm renovado mínimos diariamente. Algumas das taxas tornaram-se negativas nos prazos mais curtos, ou seja, os investidores estão dispostos a pagar para deter estes títulos considerados muito seguros.

 

A 17 de maio de 2014, Portugal abandonou oficialmente o resgate sem qualquer programa cautelar.


Juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Irlanda, Itália e Espanha cerca das 10:00:

 2 anos... 5 anos... 10 anos


Portugal

09/04..... 0,012......0,764....1,622

08/04..... 0,030......0,765....1,623


Grécia

09/04..... n disp....15,376...11,281

08/04..... n disp....15,737...11,542

 

Irlanda

09/04......n disp.....0,193....0,722

08/04......n disp.....0,197....0,723


Itália

09/04......0,157......0,500....1,262

08/04......0,161......0,490....1,248


Espanha

09/04......0,019......0,501....1,207

08/04......0,024......0,485....1,196


Fonte: Bloomberg Valores de 'bid' (juros exigidos pelos investidores para comprarem dívida) que compara com fecho da última sessão.


Lusa

 

 

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
    Contas Poupança

    Contas Poupança

    4ª FEIRA JORNAL DA NOITE

    Chamar o médico a casa é um procedimento habitual para muitas famílias, mas chamar um enfermeiro a casa é menos comum. Uma portuguesa criou um sistema inovador no mundo em que pode chamar um enfermeiro a casa através da internet ou de uma aplicação para telemóvel com os mesmos preços em todo o país e sem mensalidades. Só paga o serviço que utilizar. O Contas Poupança foi conhecer os preços e comparar para ver se compensa.