sicnot

Perfil

Economia

Globalia desiste de comprar TAP devido à elevada dívida

A Air Europa, companhia aérea detida pelo grupo espanhol Globalia, desistiu de comprar a TAP, devido à elevada dívida da transportadora portuguesa e à impossibilidade de geri-la com "critérios privados".

© Paulo Whitaker / Reuters

A dívida do Grupo TAP, que inclui a companhia aérea, uma unidade de manutenção e engenharia no Brasil e uma empresa de gestão de carga e bagagens, atingiu os 1.060 milhões de euros em 2014, um valor estável em relação ao ano anterior.


O presidente da Globalia, Juan José Hidalgo, citado hoje pela agência espanhola Efe, disse que o grupo "desistiu" da ideia de adquirir a TAP - avaliada em 1.200 milhões de euros - , acrescentando o motivo: "Não se pode comprar uma empresa com tanto endividamento que não possas sanear e gerir tu".


O processo de privatização da TAP prevê a alienação de ações representativas de até 66% do capital social da TAP SGPS (61% na modalidade de venda direta de referência, a um ou mais investidores nacionais ou estrangeiros, e 5% por aquisição por parte dos trabalhadores).


Além do grupo espanhol Globalia, têm sido apontados como interessados na compra da TAP o empresário português Miguel Pais do Amaral, o empresário Gérman Efromovich e as companhias brasileiras Azul e Gol.


O grupo espanhol, dono da Air Europa, foi até 2008 sócio da TAP no negócio do 'handling' (assistência em terra nos aeroportos).


Lusa
  • Os (maus) hábitos do português ao volante
    1:31

    País

    Os condutores portugueses estão a usar cada vez mais o carro e cada vez menos os transportes públicos. Um inquérito apresentado esta terça-feira pelo Automóvel Clube de Portugal (ACP) mostra que quase metade admite falar ao telemóvel enquanto conduz e cerca de um quinto já adormeceu ao volante enquanto conduzia.

  • E os nomeados são... conhecidos hoje

    Cultura

    São, esta terça-feira, conhecidos os nomeados para os Óscares. O anúncio vai ser feito a partir de Los Angeles quando forem 13h00 em Lisboa e seguido em direto numa emissão especial da SIC Notícias.

    Aqui a partir das 13:00

  • Centeno promete avançar com reformas para a zona euro
    1:45

    Economia

    Mário Centeno liderou esta segunda-feira a primeira reunião do Eurogrupo. O ministro das Finanças português prometeu pôr mãos à obra para reformar a zona euro e, sem se comprometer com datas, deixou a porta entreaberta à entrada da Bulgária na zona euro.

  • "Shutdown" nos EUA chegou ao fim
    1:05
  • Papa pede perdão a vítimas de abusos por ter usado expressão "menos feliz"
    1:21

    Mundo

    No final da visita à América Latina, já no avião de regresso a Roma, o Papa Francisco pediu desculpa às vítimas de abusos sexuais no Chile. O líder da Igreja católica considerou que utilzou uma expressão menos "feliz" quando saiu em defesa do bispo Juan Barros, exigindo "provas" a quem o acusa de não ter agido.