sicnot

Perfil

Economia

Governo deverá aprovar amanhã grandes linhas do novo Programa de Estabilidade

As grandes linhas do novo Programa de Estabilidade deverão ser aprovadas esta quinta-feira em Conselho de Ministros. A SIC sabe que o calendário definido pelo Governo passa pela divulgação, já esta semana, das linhas principais da estratégia orçamental e económica de médio prazo, incluindo a reforma da TSU. Os pormenores serão definidos nos dias seguintes, fim de semana incluído.

Luís Marques Guedes, ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares

Luís Marques Guedes, ministro da Presidência e dos Assuntos Parlamentares

(SIC/ Arquivo)

O objetivo é ter o Programa de Estabilidade das finanças públicas e o Plano Nacional de Reformas económicas prontos a tempo de serem debatidos na próxima quarta-feira, dia 22 de abril, na Assembleia da República.

 

Recorde-se que estes documentos são de apresentação obrigatória em Bruxelas até ao final de abril, seis meses antes da apresentação do Orçamento do Estado do ano seguinte.

 

 


  • Governo quer manter alívio fiscal em 2016
    2:00

    Economia

    No final de abril, o Governo terá de entregar em Bruxelas o programa de estabilidade e crescimento com as linhas mestras da política orçamental para os próximos quatro anos. Ao que a SIC apurou, o executivo quer manter o alívio fiscal em 2016 com mais uma descida no IRC e o reforço das deduções no IRS. O Governo acredita que será possível baixar o défice sem mais medidas de austeridade, graças ao crescimento da economia.

  • Traço contínuo às curvas
    2:42
  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A regra aplica-se a autoestradas e outras vias com esse perfil mas dentro das localidades há exceções. A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • Cristas calcula défice de 3,7% sem "cortes cegos" das cativações
    0:45

    Economia

    Assunção Cristas diz que o défice de 2,1% só foi conseguido porque o Governo fez cortes cegos na despesa pública. Esta manhã, depois de visitar uma unidade de cuidados continuados em Sintra, a presidente do CDS-PP afirmou que, pelas contas do partido, sem cativações, o défice estaria nos 3,7%.

  • Reservas de viagens na Páscoa e no verão aumentaram
    1:19

    Economia

    As reservas de viagens no período da Páscoa e do verão aumentaram este ano, tanto para o estrangeiro como para dentro de Portugal. O Algarve, a Madeira e os Açores continuam a ser os destinos de eleição. Os portugueses estão também a marcar férias com mais antecedência, uma das receitas para conseguir melhores preços.

  • Escada rolante inverte sentido e varre dezenas de pessoas
    1:15
  • Sol influencia alterações climáticas na Terra

    Mundo

    As flutuações da atividade solar têm um efeito sobre o clima da Terra, concluiu um estudo de investigadores suíços, que conseguiu, pela primeira vez, estimar a influência do Sol no aquecimento do planeta.