sicnot

Perfil

Economia

PSD considera que o cenário macroeconómico traçado pelo PS não é real

PSD considera que o cenário macroeconómico traçado pelo PS não é real

O PSD considera que as propostas do PS não são uma alternativa real. O vice-presidente dos sociais-democratas, José Matos Correia, diz que remetem para um passado de promessas e de gastos sem pensar nas consequências.

  • PS quer eliminar sobretaxa e repor salários até 2017
    2:46

    Economia

    O PS propõe eliminar a sobretaxa do IRS em dois anos e repor os salários da Função Pública na íntegra até 2017. O grupo de economistas a quem Antonio Costa encomendou uma espécie de programa económico apresentou hoje as proposta para a próxima legislatura. Entre muitas medidas, destaque para a redução da TSU dos trabalhadores já em 2016 e para um crédito fiscal para os trabalhadores com menores rendimentos.

  • "É possível fazer diferente", diz Costa
    1:33

    Economia

    O secretário-geral do PS diz que as medidas hoje apresentadas vão permitir um crescimento médio de 2,6% nos proximos quatro anos e um défice de 0,9% no final da proxima legislatura. António Costa sublinha que o relatório do cenário macroeconómico do PS não substitui o programa de Governo, mas prova desde já que há uma alternativa à austeridade.

  • Presidente visita zonas afetadas pelos fogos
    2:00

    País

    Numa visita inesperada, o Presidente da República esteve esta manhã em Vouzela, um dos concelhos mais atingidos pelos incêndios. Marcelo Rebelo de Sousa vai estar nos próximos dias no distrito de Viseu.

  • "Viverei com o peso na consciência até ao último dia"
    3:00
  • A fotografia que está a correr (e a impressionar) o Mundo

    Mundo

    A fotografia de uma cadela a carregar, na boca, o cadáver calcinado da cria está a comover o mundo. Entre as muitas fotografias que mostram o cenário causado pelos incêndios que devastaram a Galiza nos últimos dias, esta está a causar especial impacto. O registo é do fotógrafo Salvador Sas, da agência EFE. A imagem pode impressionar os mais sensíveis.