sicnot

Perfil

Economia

Espanhóis foram os que mais gastaram dinheiro em Portugal na Páscoa

Os espanhóis que usaram um cartão de crédito da rede Visa para pagar as suas compras em Portugal durante a semana da Páscoa gastaram 9 milhões de euros, seguidos dos franceses e dos angolanos, segundo esta empresa financeira.

© Dado Ruvic / Reuters

"Os espanhóis, franceses e angolanos, foram os maiores gastadores com cartões Visa em Portugal", disse uma fonte oficial da entidade financeira à Lusa, sublinhando que "os hotéis, o entretenimento e o vestuário foram os setores que registaram o maior volume de transações".

De acordo com os dados, os visitantes estrangeiros gastarem 47 milhões de euros recorrendo a esta rede de cartões de crédito durante as férias da Páscoa, na semana entre 28 de março e 6 de abril, ao passo que os portugueses no estrangeiro gastaram 29 milhões de euros, mais 12% que no ano anterior.

Seis dos dez países com cidadãos mais gastadores em Portugal são europeus - França, Alemanha, Irlanda, Espanha, Suíça e Reino Unido, sendo que os espanhóis foram os que mais usaram os seus cartões Visa, com 9 milhões de euros, embora os angolanos sejam os que mais aumentaram os gastos face ao mesmo período do ano passado, em 48%.

"Apesar de ter havido uma ligeira diminuição, de 1% no total de gastos face ao ano anterior, os nossos dados permitem concluir que as férias da Páscoa são um período atrativo para os visitantes estrangeiros, especialmente os europeus", disse o diretor da Visa Europe para Portugal, Sérgio Botelho.

Os cidadãos angolanos usaram o cartão de crédito para gastar um milhão de euros por dia, em média, em Portugal durante a semana da Páscoa, de acordo com dados da rede de pagamentos Visa.

Durante a semana da Páscoa, os angolanos usaram os cartões de créditos para gastar 7 milhões de euros, o que representa uma subida de 48% face aos cerca de 5 milhões gastos no mesmo período do ano passado, disse uma fonte oficial da maior rede de crédito do mundo.

Em sentido inverso, ou seja, as verbas gastas pelos portugueses no estrangeiro neste período, os valores são bastante menores: na semana da Páscoa, os portugueses gastaram no estrangeiro um total de 29 milhões de euros, o que representa uma subida de 12% face à Páscoa do ano passado.

A maioria dos países visitados é europeu (oito em dez), com a Espanha a liderar a lista dos países onde os portugueses mais gastaram dinheiro na Páscoa, com 7,7 milhões, seguida da França com 5,1 milhões.

Para além de França, Reino Unido, Itália, Andorra, Alemanha, Holanda, Espanha e Suíça, a lista dos dez países onde os portugueses com Visa mais gastaram dinheiro completa-se com os Estados Unidos (2,1 milhões de euros) e os Emirados Árabes Unidos, com 600 mil euros.

A rede de pagamentos eletrónicos da Visa tem mais de 500 milhões de cartões em utilização na Europa, representando 1 em cada 6 euros gastos, num total de 2 triliões de euros por ano, sendo utilizados em mais de 200 países e territórios, segundo a empresa.

Lusa
  • O resgate dos passageiros do naufrágio em Cascais
    1:48
  • É importante que "as pessoas não tenham medo" de denunciar o tráfico humano
    0:48

    País

    Manuel Albano, relator nacional para o tráfico de pessoas, concorda com a ideia de que é necessário continuar a investir na inspeção e na fiscalização para travar o tráfico de seres humanos, mas rejeita a denúncia do sindicato dos trabalhadores do SEF, que esta quinta-feira alertou para a "falta de controlo".

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
  • Salas de consumo assistido previstas na lei há 17 anos
    3:01
  • O que faz um guaxinim às duas da manhã num quartel de bombeiros?

    Mundo

    Os animais são muitas vezes os protagonistas de histórias incríveis ou até insólitas. Desde o cão mais pequeno ao urso mais assustador. Desta vez, o principal interveniente é um guaxinim, que foi levado até um quartel de bombeiros por uma dona muito preocupada. Porquê? O animal estava sob o efeito de drogas.

    SIC

  • "Por vezes até as princesas da Disney ficam apavoradas"

    Mundo

    A atriz norte-americana Patti Murin foi esta semana elogiada nas redes sociais por se preocupar com a sua saúde mental e não ter problemas em falar sobre o assunto. A artista faltou a um espetáculo da Disney, onde ia atuar, devido a um ataque de ansiedade.

    SIC

  • Presidente do Uganda quer proibir sexo oral

    Mundo

    O Presidente do Uganda emitiu um aviso público durante um conferência de imprensa anunciando que vai banir a prática de sexo oral no país. Yoweri Museveni justifica o ato, explicando que "a boca serve para comer".

    SIC