sicnot

Perfil

Economia

Taxa de inflação da zona euro sai de terreno negativo em abril

A taxa de inflação anual da zona euro fixou-se nos 0,0% em abril, face aos -0,1% de março, saindo do terreno negativo pela primeira vez desde dezembro de 2014, segundo a estimativa rápida hoje divulgada pelo Eurostat.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

O gabinete oficial de estatísticas da União Europeia estima que, nos principais componentes da inflação na zona euro, o maior aumento de preços se verifique no setor dos serviços (0,9% em abril face aos 1,0% de março), o da alimentação, bebidas alcoólicas e tabaco (0,9%, que compara com 0,6% de março).

 

Já o setor dos bens industriais não energéticos vê sua taxa de inflação anual estimada em 0,1% em abril, face aos 0,0% de março.

 

Os preços da energia caíram -5,8% este mês, depois de terem subido 6,0% no anterior.

 

A taxa de inflação anual entrou em valores negativos em dezembro de 2014 pela primeira vez desde outubro de 2009.

 

A inflação anual é a evolução dos preços entre o mês de referência e o mesmo mês do ano anterior.

 

O Banco Central Europeu (BCE) tem como principal objetivo ter, a médio prazo, uma taxa de inflação próxima, mas abaixo de 2%.

 


Lusa

  • Despenalização da eutanásia votada na terça-feira no Parlamento
    2:04
  • Há companhias aéreas a contratar. TAP é uma delas
    1:28

    Economia

    Com o crescimento do turismo, que continua a bater recordes, as companhias aéreas querem profissionais para reforçar as rotas com maior procura e oferecer novos destinos. Só a TAP prevê contratar mais 700 pessoas este ano para várias funções, incluindo 300 tripulantes de cabina e 170 pilotos.

  • Trump remarca encontro com Kim Jong-un no Twitter
    2:33

    Mundo

    A Coreia do Sul e a Coreia do Norte reuniram-se pela segunda vez em menos de um mês. Os Presidentes dos dois países dizem que estão a cooperar para que a cimeira entre Washington e Pyongyang, em Singapura, seja um sucesso. Donald Trump regressou ao Twitter para remarcar a cimeira a 12 de junho.