sicnot

Perfil

Economia

Taxas Euribor estáveis a três meses e a subirem a seis, nove e 12 meses

As taxas Euribor inverteram a tendência das últimas semanas, ao manterem-se a três meses e a subirem a seis, nove e 12 meses em relação a quarta-feira. 

© Kai Pfaffenbach / Reuters

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação, subiu hoje para 0,064%, mais 0,003 pontos do que na quarta-feira, quando desceu para 0,061%, atual mínimo de sempre.       

   No prazo de 12 meses, a Euribor subiu 0,004 pontos, ao ser fixada em 0,171%, contra o mínimo de sempre, de 0,167%, na quarta-feira. 

A nove meses, a Euribor também subiu para 0,111%, mais 0,001 pontos do que na véspera, quando foi fixada no mínimo de sempre de 0,110%. 

 A Euribor a três meses, em valores negativos desde 21 de abril, foi hoje fixada de novo em -0,005%, atual mínimo de sempre, registado pela primeira vez na última terça-feira. 

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.   

Lusa
  • Presidente da Proteção Civil demitiu-se

    País

    O Presidente da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), Joaquim Leitão, pediu esta quarta-feira a demissão com efeitos imediatos. A carta de demissão foi enviada para o Ministério da Administração Interna, no entanto, uma vez que a ministra também se demitiu, o documento seguiu para o gabinete do primeiro-ministro, António Costa.

  • "Foi um golpe muito forte"
    1:41
  • Não me parece o melhor princípio político, mas percebo que António Costa queira ter junto de si, sobretudo em tempos difíceis, os mais próximos. Os homens de confiança pessoal e política. Em plena tempestade, o primeiro-ministro chamou dois amigos de longa data, ex-colegas da Faculdade de Direito, Eduardo Cabrita e Pedro Siza Vieira. E eles não disseram que não.

    Bernardo Ferrão

  • SIC acompanhou Francisco George no último dia como diretor-geral da Saúde
    6:20