sicnot

Perfil

Economia

Trabalhadores do Metropolitano de Lisboa marcam greve de 24 horas para 19 de maio

Os trabalhadores do Metropolitano de Lisboa observam no próximo dia 19 uma greve de 24 horas, disse hoje à Lusa José Manuel Oliveira, coordenador da Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans). 

Segundo fonte policial, a composição que descarrilou, na estação do  Aeroporto, num dos extremos da linha vermelha, estava a fazer inversão de  marcha, "não conseguiu parar a tempo e embateu na parede". 

Segundo fonte policial, a composição que descarrilou, na estação do  Aeroporto, num dos extremos da linha vermelha, estava a fazer inversão de  marcha, "não conseguiu parar a tempo e embateu na parede". 

MÁRIO CRUZ

Os trabalhadores do Metropolitano de Lisboa têm levado a cabo vários tipos de luta, desde a realização de plenários e de marchas até greves, em luta contra a subconcessão da empresa.

De acordo com José Manuel Oliveira, "a greve do dia 19 vai substituir a do dia 12, porque o pré-aviso para a greve do dia 12 estava mal elaborado".

A paralisação de 19 de maio será a quinta greve parcial desde o início do ano. Foram já realizadas greves semelhantes nos dias 24 de fevereiro, 16 e 18 de março e 28 de abril.

Lusa
  • Leão de Ouro de Souto de Moura faz "muito bem à alma" dos portugueses
    1:53
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos.

  • Na linha do triunfo
    16:49
  • Chamas do incêndio no Europa Park na Alemanha atingiram os 15 metros de altura
    0:57