sicnot

Perfil

Economia

Freitas do Amaral diz que "pagar tudo" é a solução para papel comercial no BES

O jurista e antigo governante Diogo Freitas do Amaral criticou hoje a demora na resolução da questão do papel comercial vendido aos balcões do BES, considerando que a única solução justa é o pagamento imediato das verbas devidas.

"Já tarda de mais a única solução justa para os detentores de papel comercial vendido aos balcões do BES [Banco Espírito Santo] -- pagar tudo, e já", realçou o responsável numa declaração escrita enviada à agência Lusa.

Segundo Freitas do Amaral, "o que se está a passar não é apenas mais um ataque aos detentores de pequenas poupanças: é também uma grave violação do Estado de Direito".

E acrescentou: "Quem é o responsável pelo silêncio e pelos adiamentos de várias entidades públicas neste caso? Segundo a Constituição, 'o Governo é o órgão superior da Administração Pública': alguém é capaz de explicar isto ao senhor primeiro-ministro?".

Questionado pela Lusa sobre as razões que o levaram a prestar estas declarações sobre o problema do papel comercial do Grupo Espírito Santo (GES), o responsável disse que tem "assistido na televisão às sucessivas manifestações dos lesados", pelo que "chegou a hora de tomar uma posição pública".

Freitas do Amaral garantiu ainda que não tem qualquer interesse pessoal na questão.

"Não fui lesado nessa matéria, nem em qualquer outra, relativamente à falência do BES ou do GES. Falo apenas em defesa do que julgo ser a exigência da Justiça para com estas pessoas, que têm sido tão abandonadas na defesa dos seus inegáveis direitos", vincou.

Em causa está uma verba superior a 500 milhões de euros que afetou cerca de 2.500 famílias que se consideram lesadas com o investimento feito em papel comercial de entidades ligadas ao GES, mas que foi vendido aos balcões do BES a investidores não qualificados, e que até ao momento não foi reembolsado.

A 3 de agosto de 2014, o Banco de Portugal tomou o controlo do BES, após a apresentação de prejuízos semestrais de 3,6 mil milhões de euros, e anunciou a separação da instituição em duas entidades: o chamado banco mau (um veículo que mantém o nome BES e que concentra os ativos e passivos tóxicos do BES, assim como os acionistas) e o banco de transição que foi designado Novo Banco.



Lusa

  • Família Aveiro na inauguração do Aeroporto Cristiano Ronaldo
    2:34

    País

    A decisão de dar o nome de Cristiano Ronaldo ao aeroporto da Madeira divide opiniões. Contudo, na cerimónia de inauguração desta quarta-feira só se ouviram aplausos. Os madeirenses juntaram-se à porta do aeroporto para ver e receber o melhor jogador do mundo. Também a família do jogador esteve na Madeira para apoiar Ronaldo.

  • A (polémica) mudança de nome do aeroporto da Madeira
    2:00

    País

    O aeroporto da Madeira é desde esta quarta-feira aeroporto Cristiano Ronaldo. O Presidente da República e o primeiro-ministro estiveram juntos na homenagem ao futebolista. A alteração não é consensual entre os madeirenses.

  • O busto de Ronaldo que virou piada no mundo inteiro
    2:04

    País

    No dia em que foi formalizado o novo nome do aeroporto da Madeira, foi também conhecido o busto em bronze de Cristiano Ronaldo e que, desde logo, começou a provocar reações em todo o mundo. As críticas da imprensa internacional não são propriamente positivas e a internet aproveitou para dar contornos humorísticos à criação.

  • A história de um dos maiores fãs de Cristiano Ronaldo
    5:52

    Desporto

    Um dos maiores fãs de Cristiano Ronaldo não perdeu a oportunidade de se deslocar à Madeira, para conhecer o ídolo e o local onde Cristiano nasceu e cresceu. Lucas Mendes é brasileiro, tem apenas 23 anos e criou a página de fãs de Ronaldo mais seguida no Brasil.

  • Os seus descontos para a Segurança Social estão em ordem?
    7:50
    Contas Poupança

    Contas Poupança

    4ª FEIRA JORNAL DA NOITE

    Os portugueses estão cada vez mais preocupados com a reforma. O valor que se vai receber depende dos descontos que se fizerem para a Segurança Social. Mas há contabilistas que cometem burlas com o dinheiro dos clientes, há esquecimentos, e empresas que deixam de pagar as contribuições por falta de verbas. O Contas Poupança explica-lhe como pode ver neste instante se todos os seus descontos estão nos cofres da Segurança Social, e corrigir algum erro antes que seja tarde demais.

  • "Não há razão para fingirmos que hoje é um dia feliz"
    1:55

    Brexit

    Depois de receber esta quarta-feira a notificação do Brexit, o presidente do Conselho Europeu antecipou negociações difíceis. Donald Tusk diz que agora é preciso minimizar os prejuízos para os cidadãos europeus e para as empresas.

  • "Não há recuo possível"
    2:30

    Brexit

    O processo de saída do Reino Unido da União Europeia começou esta quarta-feira, com a ativação do artigo 50.º do Tratado de Lisboa. A notificação de Theresa May foi feita por carta a Donald Tusk e a primeira-ministra disse que não recuo possível. O processo de negociações levará dois anos e a saída do Reino Unido da União Europeia ficará concluída em 2019.