sicnot

Perfil

Economia

Mercado livre de eletricidade com 3,9 milhões de clientes em março

O mercado livre de eletricidade alcançou um total de 3.908 milhares de clientes em março, que representam mais de 64% do número total de clientes, indica o último relatório do regulador.

(Reuters/Arquivo)

(Reuters/Arquivo)

REUTERS

De acordo com os dados hoje divulgados pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), relativos a Portugal Continental, entre fevereiro e março o número de clientes no mercado livre aumentou 2,3%, o que corresponde a um crescimento líquido de 88 mil clientes.

Já em termos homólogos, face aos dados de março de 2014, o número de consumidores no mercado livre subiu 48%, a uma taxa média mensal de 3,3%, indica a mesma entidade.

No que respeita aos consumos, o mercado livre representava em março mais de 86% do consumo de eletricidade em Portugal Continental, o que se traduz num aumento de 9,8 pontos percentuais face ao período homólogo do ano anterior. 

Os números recolhidos pela ERSE mostram que 99% dos grandes consumidores estão no mercado livre, tal como 93% dos industriais e 90% dos pequenos negócios. 

"Apesar da tendência de crescimento, o segmento de clientes domésticos é o que continua a apresentar menor penetração do mercado livre", que representa 64% destes clientes e 69% do respetivo consumo, acrescenta o relatório.

O consumo anualizado em mercado livre foi em março de 38.293 gigawatts hora (GWh), com um crescimento de 0,9% face ao mês anterior, situando-se 0,2 pontos percentuais acima da variação registada em fevereiro.

Já em termos homólogos, o consumo no mercado livre registou um aumento de cerca de 13% face a março de 2014, correspondendo a uma taxa média mensal de 1,0% nesse período.

No final de 2014, a EDP Comercial mantinha-se como principal fornecedor no mercado livre, com um peso de 85% dos clientes e de cerca de 45% dos fornecimentos neste mercado, informa também a ERSE.

Em número de clientes, a Galp aumentou a sua quota em 0,2 pontos percentuais, para 6%, tal como a Goldenergy, que cresceu igualmente 0,2 pontos percentuais, para 1,4% do total. Já a Endesa, a Iberdrola, a GN Fenosa e a Ylce mantiveram a sua quota, respetivamente de 4,5%, 1,8%, 1,1% e 0,1%, à semelhança dos outros operadores.

O relatório do mês de março inclui informação sobre um total de 14 comercializadores que operam em regime de mercado, mais três do que em dezembro passado e mais quatro do que em março de 2014.



Lusa
  • Curiosidades sobre o Mundial da Rússia
    3:08
  • Ronaldo no País dos Sovietes: Algumas curiosidades
    1:54
  • O choro intenso de Neymar explicado pelo próprio
    0:51
  • A queda aparatosa do selecionador do Brasil
    0:05
  • Dia de limpezas em Chaves após noite de chuva intensa e queda de granizo
    2:44
  • Athanasia, uma mulher sem medo das alturas
    0:35

    Mundo

    É grega, chama-se Athanasia Athineau, tem 29 anos e pertence à unidade de forças especiais da Grécia. O salto que podemos ver é de 10 mil pés, mas Athanasia faz também saltos de 30 mil. Neste caso, caíu a uma velocidade de 250 quilómetros por hora antes de abrir o pára-quedas.

  • Talheres de Hitler vendidos por 14 mil euros

    Mundo

    Um conjunto de duas facas, três colheres e três garfos de prata, que pertencia a Adolf Hitler, foi vendido em Dorset, Inglaterra, pelo valor de 12.500 libras (aproximadamente 14.200 euros). O serviço de talheres foi criado no âmbito das celebrações do 50.º aniversário do ditador nazi.

    SIC