sicnot

Perfil

Economia

Mercado livre de eletricidade com 3,9 milhões de clientes em março

O mercado livre de eletricidade alcançou um total de 3.908 milhares de clientes em março, que representam mais de 64% do número total de clientes, indica o último relatório do regulador.

(Reuters/Arquivo)

(Reuters/Arquivo)

REUTERS

De acordo com os dados hoje divulgados pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), relativos a Portugal Continental, entre fevereiro e março o número de clientes no mercado livre aumentou 2,3%, o que corresponde a um crescimento líquido de 88 mil clientes.

Já em termos homólogos, face aos dados de março de 2014, o número de consumidores no mercado livre subiu 48%, a uma taxa média mensal de 3,3%, indica a mesma entidade.

No que respeita aos consumos, o mercado livre representava em março mais de 86% do consumo de eletricidade em Portugal Continental, o que se traduz num aumento de 9,8 pontos percentuais face ao período homólogo do ano anterior. 

Os números recolhidos pela ERSE mostram que 99% dos grandes consumidores estão no mercado livre, tal como 93% dos industriais e 90% dos pequenos negócios. 

"Apesar da tendência de crescimento, o segmento de clientes domésticos é o que continua a apresentar menor penetração do mercado livre", que representa 64% destes clientes e 69% do respetivo consumo, acrescenta o relatório.

O consumo anualizado em mercado livre foi em março de 38.293 gigawatts hora (GWh), com um crescimento de 0,9% face ao mês anterior, situando-se 0,2 pontos percentuais acima da variação registada em fevereiro.

Já em termos homólogos, o consumo no mercado livre registou um aumento de cerca de 13% face a março de 2014, correspondendo a uma taxa média mensal de 1,0% nesse período.

No final de 2014, a EDP Comercial mantinha-se como principal fornecedor no mercado livre, com um peso de 85% dos clientes e de cerca de 45% dos fornecimentos neste mercado, informa também a ERSE.

Em número de clientes, a Galp aumentou a sua quota em 0,2 pontos percentuais, para 6%, tal como a Goldenergy, que cresceu igualmente 0,2 pontos percentuais, para 1,4% do total. Já a Endesa, a Iberdrola, a GN Fenosa e a Ylce mantiveram a sua quota, respetivamente de 4,5%, 1,8%, 1,1% e 0,1%, à semelhança dos outros operadores.

O relatório do mês de março inclui informação sobre um total de 14 comercializadores que operam em regime de mercado, mais três do que em dezembro passado e mais quatro do que em março de 2014.



Lusa
  • Encontrado corpo de mariscador desaparecido no Barreiro

    País

    O corpo do homem com cerca de 50 anos apareceu esta manhã junto ao Clube Naval do Barreiro, na mesma zona onde tinha desaparecido na noite deste sábado. A informação já foi confirmada à SIC pela Polícia Marítima, que adiantou que o corpo já foi levado para a morgue. O alerta foi dado por volta das 22:30 de ontem pelos companheiros de nacionalidade chinesa que estavam com a vítima na apanha de bivalves na margem sul do Tejo.

  • Portugal "precisa avançar no trabalho" para reduzir crédito malparado
    1:36

    Economia

    Bruxelas recomenda e insiste que o Governo português avance no trabalho para resolver o crédito malparado. Em entrevista à SIC e ao Expresso, o vice-Presidente da Comissão para o Euro e Estabilidade Financeira, Valdis Dombrovskis, adianta que Bruxelas está também a preparar um Plano de Ação ao nível europeu.

    Entrevista SIC/Expresso

  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.