sicnot

Perfil

Economia

Secretário de Estado da Economia iniciou visita à China

O Secretário de Estado da Economia português, Leonardo Mathias, chegou hoje a Pequim, primeira etapa de uma visita de oito dias à China para "reforçar a cooperação" com um parceiro económico e comercial de crescente importância para Portugal.

reuters

Leonardo Mathias viaja com uma delegação da Agência de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), chefiada pelo respetivo inspetor-geral, Pedro Portugal Gaspar, e depois de Pequim, visitará as Regiões Administrativas Especiais de Macau e Hong Kong.

Antes de embarcar para a China, o secretário de Estado realçou à agência Lusa que as relações económicas luso-chinesas adquiriram "um dinamismo e um crescimento assinaláveis em variadíssimos setores". 

"Em 2008, a China era o nosso 28.º parceiro comercial, hoje é o 12.º. Houve uma progressão de mais de 300% em seis anos", acrescentou.

Leonardo Mathias é o primeiro governante português a visitar a China em 2015, o ano em que se assinala o 10.º aniversário do acordo luso-chinês de "parceria estratégica global".

Pelas contas da Administração-Geral das Alfândegas Chinesas, em 2014, as exportações portuguesas para a China aumentaram 18,8%, para o montante recorde de 1.660 milhões de dólares, mais de o dobro de há apenas cinco anos.

Portugal tornou-se também um dos principais destinos do investimento chinês na Europa, a seguir ao Reino Unido, Alemanha e França, estimando-se em mais de 10.000 milhões de euros o montante do capital chinês absorvido pela economia portuguesa desde 2011.
  • O dia em que o Brexit começa
    1:25

    Brexit

    A primeira-ministra britânica já assinou a carta que vai enviar ao Conselho Europeu para formalizar a vontade do Reino Unido de sair da União Europeia. O artigo 50.º do Tratado de Lisboa será ativado nas próximas horas. Na véspera, Theresa May recebeu da Escócia um novo contratempo político.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Governo vai dar mais meios à investigação criminal
    2:34

    País

    A ministra da Justiça garante que o Governo vai dar mais meios à investigação criminal, mas assegura que não vai mexer nos prazos dos inquéritos. A questão tem sido insistentemente levantada pela defesa de José Sócrates, que se queixa de que a Operação Marquês já ultrapassou todos os prazos.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.