sicnot

Perfil

Economia

Portugal com 2ª maior subida da UE na taxa de emprego em 2014

Portugal foi o país da União Europeia (UE) que registou a segunda maior subida na taxa de emprego em 2014, um aumento de 2,2 pontos percentuais, depois da Hungria (3,7 pontos), dados hoje divulgados pelo Eurostat.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Hugo Correia / Reuters

De acordo com o gabinete de estatísticas da União Europeia (UE), a taxa de emprego da população entre os 20 e os 64 anos em Portugal foi, em 2014, de 67,6%, mais 2,2 pontos percentuais do que no ano anterior.

 

Na UE, a taxa de emprego cresceu pela primeira vez desde que começou a crise financeira para os 69,2%, face aos 68,4% de 2013, mas ainda sem conseguir ultrapassar o recorde de 2008 (70,3%).

 

Em termos de género, a taxa de emprego nos homens aumentou em Portugal 0,4 pontos para os 71,6% em 2014 e 0,6 pontos para os 63,6% nas mulheres.

 

Na UE, o indicador aumentou -- de 2013 para 2014 -- 0,7 pontos, para os 75%, enquanto nas mulheres cresceu 0,9 pontos para os 63,5%.

 

O objetivo traçado na estratégia Europa 2020 é, tanto para Portugal quanto para a UE , de se chegar então a uma taxa de emprego de 75%.

 

A taxa de emprego corresponde ao número de pessoas empregadas em percentagem da população do mesmo grupo etário.


Lusa

  • Debate quinzenal com o primeiro-ministro

    País

    A situação económica e financeira foi o tema escolhido pelo Governo, mas a polémica da descida da Taxa Social Única dominará certamente a discussão na Assembleia da República. Veja aqui em direto e participe no Minuto a Minuto Parlamento Global/SIC.

    Direto

  • MIT quer humanos a ajudar máquinas a decidir (quem morre)

    Mundo

    A "Máquina Moral" é uma plataforma online que recolhe a perspetiva humana em decisões que terão de ser tomadas por uma máquina. Por exemplo, quando um carro sem condutor se depara com o dilema do mal menor: em quem acertar - para evitar outros - num acidente de viação.

  • Daesh transforma drones em bombardeiros 

    Daesh

    As estratégias de combate do Daesh têm vindo a sofrer alterações, bem como a capacidade das forças militares iraquianas para confrontar e derrotar o inimigo. De acordo com o responsável do Exército dos EUA Brett Sylvia, comandante militar no Iraque, a tática mais recente desenvolvida pelo Daesh consiste em usar drones de uso comercial em pequenos bombardeiros, capazes de transportar e lançar granadas.