sicnot

Perfil

Economia

Interessados na compra da TAP só têm dois dias para entregar propostas

Interessados na compra da TAP só têm dois dias para entregar propostas

Os interessados na compra da TAP já só têm dois dias para entregar as propostas pela companhia. Os investidores continuam a trabalhar com os assessores que têm em Portugal, enquanto a TAP prepara um plano de reestruturação da empresa. O ministro da Economia espera que não seja preciso despedir os trabalhadores, mas diz que essa decisão cabe à administração da TAP.

  • Passos garante que privatização é a única forma de salvar a TAP
    1:33

    Economia

    O primeiro-ministro garantiu esta quarta-feira que a privatização da TAP vai mesmo avançar, como única forma de salvar a empresa. Passos Coelho diz desconhecer se estão previstos despedimentos antes da venda e admite que os custos da greve dos pilotos possam ter repercussões nas propostas de compra da companhia aérea.

  • Presidente da TAP envia carta aos trabalhadores a anunciar reestruturação
    1:22

    Economia

    O presidente da TAP enviou uma carta aos trabalhadores em que anuncia para breve uma reestruturação da empresa, que pode passar por despedimentos. Fernando Pinto diz que é preciso reajustar a empresa à nova realidade, depois da greve, e dar um passo atrás antes de dar dois em frente. Até há bem pouco tempo, o Governo dizia que a empresa só seria reestruturada depois da privatização estar concluida, ou caso falhasse.

  • "A necessidade da TAP é estrutural, é profunda"
    3:31

    José Gomes Ferreira

    O ministro da Economia espera que não seja necessário despedir trabalhadores na TAP e volta a culpar o Sindicato dos Pilotos pela derrapagem nas contas da companhia. José Gomes Ferreira analisa a situação na empresa. O presidente da companhia enviou carta aos trabalhadores onde anuncia reestruturação. "A necessidade da companhia é estrutural, é profunda", diz José Gomes Ferreira, e sublinha que "a TAP cresceu demasiado porque partiu da ideia da construção de um novo aeroporto".