sicnot

Perfil

Economia

Juros da dívida a cair em todos os prazos

Os juros da dívida de Portugal estavam hoje a cair a dois, cinco e dez anos em relação a segunda-feira, alinhados com os da Irlanda, Itália e Espanha.       

(LUSA/ ARQUIVO)

Hoje, cerca das 08:40 em Lisboa, os juros da dívida portuguesa a dez anos estavam a descer para 2,322%, contra 2,415% na segunda-feira. O atual mínimo de sempre é de 1,560% e foi registado a 13 de março passado.                                                                          

Os juros a cinco anos também estavam a cair, para 1,019%, contra 1,069% na segunda-feira e o mínimo de sempre, de 0,749%, a 10 de abril passado.     

No mesmo sentido, os juros a dois anos estavam a cair para 0,082%, contra 0,130% na segunda-feira e o mínimo de sempre, de 0,013%, a 13 de abril.

Depois de ter iniciado a 09 de março passado um programa sem precedentes de compra de dívidas soberanas e privadas, que vai permitir injetar 60 mil milhões de euros por mês, até, pelo menos, setembro de 2016, na economia da zona euro, na esperança de a redinamizar, o Banco Central Europeu (BCE) manteve na quarta-feira as taxas de juro inalteradas em mínimos.        

Os efeitos do programa fizeram sentir-se, por antecipação, nas taxas de juro das dívidas soberanas, que evoluem em sentido inverso ao da procura e têm renovado mínimos diariamente. Algumas das taxas tornaram-se negativas nos prazos mais curtos, ou seja, os investidores estão dispostos a pagar para deter estes títulos considerados muito seguros.   

A 17 de maio de 2014, Portugal abandonou oficialmente o resgate sem qualquer programa cautelar.

O programa de ajustamento pedido por Portugal à 'troika' (Comissão Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional), no valor de 78 mil milhões de euros, esteve em vigor durante cerca de três anos.

Os juros da dívida soberana da Irlanda estavam a cair em todos os prazos, bem como os de Itália e de Espanha.

Em relação aos juros da Grécia, estes estavam a cair a dois anos e a subir a dez anos para valores em torno dos 23,56% e 11,45%, respetivamente.



Juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Irlanda, Itália e Espanha cerca das 08:40:

      

           2 anos... 5 anos... 10 anos 

 

Portugal 



19/05..... 0,082......1,019....2,322

18/05..... 0,130......1,069....2,415



Grécia 



19/05.....23,561....n disp...11,451

18/05.....23,992....n disp...11,326



Irlanda



19/05......-0,041.....0,404....1,244

18/05......-0,023.....0,457....1,305



Itália



19/05......0,120......0,682....1,806

18/05......0,148......0,733....1,892

 

Espanha



19/05......0,002......0,682....1,755

18/05......0,016......0,723....1,832



Fonte: Bloomberg Valores de 'bid' (juros exigidos pelos investidores para comprarem dívida) que compara com fecho da última sessão.



Lusa

  • Adeptos do Sporting gritaram "Joguem à bola"

    Desporto

    Depois da eliminação da Taça de Portugal, o autocarro do Sporting deixou o Estádio Municipal de Chaves em clima de grante tensão. Vários adeptos leoninos protestaram contra a equipa e pediram explicações.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Temperaturas negativas em várias zonas do país nos próximos dias
    1:57

    País

    O frio vai começar a fazer-se sentir nos próximos dias com as temperaturas a descerem para valores negativos em várias zonas do país. Em Lisboa, cinco estações de metro vão estar abertas durante a noite para albergar os sem-abrigo que também vão receber agasalhos e refeições quentes.

  • Medalha idêntica à de Anne Frank encontrada em campo nazi

    Mundo

    Um grupo de investigadores encontrou uma medalha praticamente igual à de Anne Frank, nas escavações ao campo nazi de extermínio Sobibor, na Polónia. Os especialistas do Memorial do Holocausto Yad Vashem em Israel acreditam que a medalha pertencia a Karoline Cohn, que pode ter conhecido Anne Frank.