sicnot

Perfil

Economia

Ucrânia ameaça congelar pagamento da dívida externa

A Ucrânia ameaçou hoje congelar o pagamento da sua dívida externa no caso de fracassarem as negociações em curso para a sua reestruturação.

© Hannibal Hanschke / Reuters

"Pedimos aos credores para considerarem as propostas do Governo ucraniano e para reestruturarem a dívida de acordo com as condições propostas pelo Governo ucraniano", disse aos deputados o primeiro-ministro da Ucrânia, Arseniy Yatsenyuk.

Os deputados ucranianos aprovaram um projeto de lei que autoriza o Governo a introduzir, "quando necessário", uma moratória sobre o pagamento da dívida externa do país.

"Vamos decidir se usamos esse direito ou não", afirmou o chefe do executivo, salientando que o país não consegue pagar a dívida sem atingir os "bolsos dos ucranianos".

A Ucrânia, que tem de reembolsar nos próximos quatro anos 30 mil milhões de dólares, espera reestruturar 15,3 mil milhões de dólares nas negociações que decorrem com os credores desde março.

O país atravessa uma grave crise financeira depois de quase três anos de recessão e de um ano de conflito.






Lusa
  • Mais cinco ilhas dos Açores sob aviso vermelho

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou esta quarta-feira para vermelho o aviso para as cinco ilhas do grupo central dos Açores, onde no Faial o vento atingiu os 150 quilómetros por hora.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.