sicnot

Perfil

Economia

PS quer aumentar rendimento das famílias

PS quer aumentar rendimento das famílias

O PS promete, caso seja eleito governo, fazer crescer o rendimento das famílias. Nas 21 propostas de programa de governo, o Partido Socialista compromete-se a aumentar abonos e repor complemetos para combater a pobreza. A descida da TSU dos trabalhadores não aparece na lista, mas o PS garante que faz parte do plano.

  • Passos diz que programa do PS segue caminho que levou país ao resgate
    3:28

    Economia

    O primeiro-ministro diz que o programa eleitoral do PS segue o caminho que levou o país ao resgate. No debate quinzenal desta quarta-feira, Passos Coelho defendeu que prefere continuar no caminho da previsibilidade do que seguir pelo da incerteza. Um debate em que Ferro Rodrigues sublinhou que o PS defende hoje exatamente o mesmo que defendeu na campanha eleitoral de há quatro anos.

  • Costa defende que programa do PS não é de facilitismo
    2:20

    Economia

    António Costa diz que o programa de governo do PS não é um programa do facilitismo e que cumprirá todos os compromissos a que Portugal está sujeito na Europa. A versão definitiva do programa será só apresentada em junho, mas o documento admite uma descida da TSU das empresas, apenas quando estiverem garantidas as fontes de financiamento, e é omisso em relação à descida da Taxa Social Única para os trabalhadores.

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07