sicnot

Perfil

Economia

Sindicatos dos transportes agendam semana de luta de 15 a 19 de junho

Representantes de trabalhadores de várias empresas públicas do setor dos transportes agendaram hoje uma semana de luta, de 15 a 19 de junho, contra a privatização e a subconcessão de empresas, disse à Lusa fonte sindical.

(Lusa/Arquivo)

(Lusa/Arquivo)

(Lusa/Arquivo)

A decisão foi tomada durante um encontro que reuniu hoje, em Lisboa, representantes de sindicatos e de comissões de trabalhadores do Metropolitano de Lisboa, da rodoviária lisboeta Carris, da Soflusa e da Transtejo (responsáveis pelas ligações fluviais na região de Lisboa), do setor ferroviário, da companhia aérea TAP e da Sociedade de Transportes Coletivos do Porto (STCP).

De acordo com José Manuel Oliveira, coordenador da Federação dos Sindicatos de Transportes e Comunicações (Fectrans), no encontro foram analisadas as ações de luta já realizadas contra a subconcessão e a privatização, decidindo-se a convergência e concertação de iniciativas nas empresas do setor na semana de 15 a 19 de junho.

"É importante fazer uma semana de trabalho de intervenção sindical com plenários, com paralisações e eventualmente também com greves, com ações que irão agora ser construídas empresa a empresa numa perspetiva de continuarmos a ter na ordem do dia este debate e a posição dos trabalhadores e organizações sindicais e comissões de trabalhadores de oposição a este modelo", disse José Manuel Oliveira.

Apesar de as ações de protesto serem definidas empresa a empresa, o sindicalista salientou que está prevista a realização e uma ação "convergente" que envolva todas as empresas do setor.

O Governo aprovou a 26 de fevereiro a subconcessão do Metro de Lisboa e da Carris, deixando de fora a Soflusa.

Em março, foi publicado em Diário da República o anúncio do concurso público internacional e as empresas escolhidas para gerirem o Metro e a Carris nos próximos oito anos deverão ser conhecidas em breve.

Nas intenções do Governo estão também as privatizações da TAP, da CP Carga (setor ferroviário) e da EMEF -- Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário.

O concurso público para a subconcessão da STCP, que gere um serviço rodoviário no Porto, foi lançado em agosto de 2014, tendo sido ganho pelo consórcio espanhol TMB - Transports Metropolitans de Barcelona/Moventis, o único que se apresentou a concurso. Deverá começar a operar a partir do final de junho o Metro do Porto.

Lusa
  • Cientistas testam útero artificial em cordeiros prematuros

    Mundo

    Um grupo de cientistas desenvolveu um útero artificial - o Biobag - que se assemelha a uma bolsa de plástico e que ajuda no desenvolvimento de cordeiros prematuros. O método foi testado nestes animais mas os cientistas do Hospital Pediátrico de Filadélfia, nos Estados Unidos, garantem que poderá vir a ser utilizado também em bebés que nascem prematuros.

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.