sicnot

Perfil

Economia

Estudo de peritos do FMI diz que alguns países podem viver com as suas dívidas

Alguns países ricos podem "viver com as suas dívidas" e devem evitar medidas nefastas para reembolsar antecipadamente os credores, indica um estudo divulgado hoje por peritos do Fundo Monetário Internacional (FMI), excluindo Portugal dos que estão nesta situação.

© Dado Ruvic / Reuters

© Dado Ruvic / Reuters

Para esta conclusão, os economistas baseiam-se num indicador de margem orçamental, onde Chipre, Grécia, Itália e Japão surgem com margem zero e "fortes riscos" associados ao peso da dívida pública, surgindo Portugal logo a seguir a estes quatro países.

Segundo os autores do estudo, citado pela AFP, estes países devem concentrar-se em formas de evitar o endividamento. 

Os países da "zona verde" orçamental, liderados pela Noruega, são aconselhados a evitar políticas drásticas para redução da dívida. 

"O custo das medidas que visam reduzir a dívida é suscetível de ultrapassar os benefícios de ter uma dívida mais baixa em termos de seguro contra crises", referem os autores deste estudo, que foi validado pelo economista-chefe do FMI, Olivier Blanchard, mas não representa a posição oficial da instituição. 

Os países mais ricos devem "viver com as suas dívidas" e deixar que o peso destas em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) decline à medida que o crescimento aumenta, evitando medidas como a imposição de impostos ou cortes na despesa, sugerem os autores.


Lusa
  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.