sicnot

Perfil

Economia

Governador do Banco de Portugal ouvido no parlamento a 12 de junho

O governador do Banco de Portugal, Carlos Costa, será ouvido no parlamento a 12 de junho, depois de ter sido nomeado pelo Governo para um segundo mandato à frente do banco central, nos termos da lei em vigor.

Francisco Seco

Na quinta-feira passada, o Governo decidiu enviar à Assembleia da República uma proposta de recondução de Carlos Costa como governador do Banco de Portugal e, nos termos da lei em vigor, a sua nomeação para um novo mandato de cinco anos tem de ser precedida de uma audição em comissão parlamentar.

Nesse sentido, Carlos Costa será ouvido pelos deputados na Comissão parlamentar de Orçamento, Finanças e Administração Pública a 12 de junho, confirmou hoje à agência Lusa presidente daquela comissão, Eduardo Cabrita (PS).

A decisão foi tomada na reunião de hoje daquela comissão parlamentar e estava a ser avançada pelas edições on-line do Jornal de Negócios e do Diário Económico.

Na sequência dessa audição pública, a Assembleia da República remeterá um relatório para o Governo, e o Conselho de Ministros depois decidirá a nomeação, explicou o ministro da Presidência, Luís Marques Guedes, aquando do anúncio da recondução de Carlos Costa na liderança do banco central.

Lusa
  • Hospitais vão ser penalizados se não cumprirem tempos de espera
    2:37

    País

    O Ministério da Saúde vai penalizar os hospitais que não cumprem os tempos de espera nas urgências e que tenham taxas elevadas de cesarianas. O novo modelo de financiamento prevê ainda linhas de financiamento próprio para a obesidade e rastreios do cancro do cólon e do colo do útero.

  • Assédio, até onde vai a tolerância?
    35:26