sicnot

Perfil

Economia

Exportações sobem 8,2% em abril

As exportações aumentaram 8,2% e as importações 7,4% no trimestre terminado em abril, face ao mesmo período de 2014, tendo a taxa de cobertura crescido 0,6 pontos percentuais para 84,3%, informa hoje o INE.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

egundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), no período, o défice da balança comercial aumentou 67,2 milhões de euros para 2.343,3 milhões de euros, tendo-se destacado Angola como o país de destino das exportações portuguesas em que estas evidenciaram a maior redução (-23,6%).

O aumento de 8,2% das exportações e de 7,4% das importações de fevereiro a abril compara com um crescimento de 3,8% e uma queda de 1,4%, respetivamente, no 1.º trimestre de 2015.

Considerando apenas o mês de abril, as exportações de bens aumentaram 9,7% e as importações de bens 16,0% face ao mês homólogo (+11,1% e +10,6% em março de 2015, respetivamente).

Em abril, as exportações aumentaram principalmente devido à evolução do comércio intra-União Europeia (UE), traduzindo o acréscimo generalizado de quase todos os grupos de produtos, em especial nos combustíveis minerais, máquinas e aparelhos e produtos agrícolas).

Já as importações subiram devido à evolução, tanto do comércio intra-UE como do comércio extra-UE, refletindo os aumentos registados na totalidade dos grupos de produtos, mas sobretudo nos combustíveis minerais, produtos químicos e veículos e outro material de transporte. 

Excluindo os combustíveis e lubrificantes, em abril, as exportações aumentaram 5,5% e as importações subiram 13,2% face ao mês homólogo (respetivamente +8,7% e +9,9% em março de 2015).

No que se refere às variações face ao mês anterior, em abril de 2015 as exportações diminuíram 2,9%, em resultado da evolução registada em ambos os tipos de comércio, destacando-se em relação aos bens transacionados o vestuário, o calçado e os produtos químicos.

As importações diminuíram 0,2%, devido à evolução do comércio intra-UE (em especial nos veículos e outro material de transporte e metais comuns), dado que nas importações extra-UE se verificou um aumento.

Numa análise por grandes categorias económicas, o INE regista, no trimestre terminado em abril e face ao período homólogo, aumentos das exportações em todas as categorias, com "especial destaque" para os acréscimos nos combustíveis e lubrificantes (+61,2%), nomeadamente os produtos transformados.

No que se refere às importações, destaca o aumento de 21,4% no material de transporte e acessórios, sobretudo os automóveis para transporte de passageiros, sendo que as importações de combustíveis e lubrificantes caíram 5,9%.



PD // CSJ

Lusa/fim



NewsSubjects:- Economia, Negócios e Finanças - Estatísticas (Economia) - Economia (geral) - comércio externo 

20150609T120846
  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.