sicnot

Perfil

Economia

Albuquerque e Portas pedem coerência ao PS sobre venda da TAP

Albuquerque e Portas pedem coerência ao PS sobre venda da TAP

A ministra das Finanças defende que a privatização da TAP assegura a sobrevivência e o crescimento da empresa. Maria Luís Albuquerque apela ao PS para que cumpra o compromisso que assumiu no memorando de entendimento do resgate financeiro. Paulo Portas também recomenda coerência aos socialistas.

  • Reestruturação da TAP vai ser ajustado mas pode implicar despedimentos
    0:50

    Economia

    Fernando Pinto vai ficar na TAP até que os novos donos entrem na companhia, o que pode acontecer só no princípio do próximo ano, já que, para o negócio se concretizar, falta ainda o "OK" da Autoridade da Concorrência e de Bruxelas. Até lá, a companhia vai arrumar a casa. Ao que a SIC apurou, o plano de reestrutração, que já estava previsto, vai ser reajustado mas vai mesmo entrar em vigor antes dos novos donos entrarem em ação. Esta reestrturação passa, por exemplo, pela suspesnão de rotas, o que pode levar a que a companhia fique com trabalhadores a mais, e que seja preciso prescindir de alguns, ainda que a hipótese não seja admitida, por agora, pelo secretário de Estado dos Transportes, Sérgio Monteiro.

  • Enfermeiros especialistas em saúde materna retomam protesto 

    País

    Os enfermeiros especialistas em saúde materna e obstetrícia voltam quinta-feira de manhã a interromper as funções especializadas, o que pode afetar blocos de parto e maternidades. Queixam-se de "falta de resposta política adequada" e "ausência de acordos sérios".

  • Reis de Espanha enviam mensagem para funeral das vítimas portuguesas
    0:52
  • Cristas vaiada em bairro de Chelas
    1:44

    Autárquicas 2017

    Assunção Cristas promete mudanças na Gebalis, a empresa municipal que gere os bairros sociais em Lisboa. Esta manhã, a candidata do CDS à câmara visitou um bairro de Chelas, onde foi vaiada por alguns populares.

  • Prestação da casa aumenta pela primeira vez desde 2014
    1:17

    Economia

    Pela primeira vez em três anos, as taxas de juro do crédito à habitação, estão a subir. A subida é de apenas 1 euro, mas é a primeira desde 2014, depois de em maio deste ano ter estabilizado e em junho ter descido. A justificação para este aumento é a evolução das taxas euribor.

  • "Em vez de ajudarem, estavam a tirar fotos dela a morrer"
    1:13