sicnot

Perfil

Economia

TAP suspende piloto que foi o alegado mentor da greve de maio

TAP suspende piloto que foi o alegado mentor da greve de maio

A TAP suspendeu Lino da Silva, o piloto visto como estratega do sindicato durante a greve de maio. Ao que a SIC apurou, a companhia está a investigar, pelo menos, quatro razões que podem levar ao despedimento por justa causa.

  • "Azul" é a maior cliente da empresa de manutenção que a TAP tem no Brasil
    5:06

    Economia

    A "Azul", companhia aérea brasileira criada e gerida por David Neeleman, é, também, a maior cliente da empresa de manutenção que a TAP tem no Brasil. Uma empresa que, na última década, foi responsável por um buraco na companhia portuguesa superior a 500 milhões de euros. Dinheiro perdido para a TAP, mas para os novos donos da Transportadora Nacional, Neeleman e o empresário português Humberto Pedrosa, as notícias não são assim tão más. É que a empresa da TAP no Brasil está agora muito perto do equilíbrio financeiro.

  • SPAC diz que greve na TAP foi decidida em assembleia-geral
    1:28

    Economia

    A TAP instaurou um inquérito ao piloto considerado como o estratega da greve de maio. Um inquérito que visa o despedimento com justa causa. Paulo Lino Rodrigues é piloto da companhia e presta ao mesmo tempo assessoria ao Sindicato dos pilotos de Aviação Civil. O SPAC, por seu lado, reage afirmando que a greve foi decidida em assembleia geral e não pelo comandante visado.

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52