sicnot

Perfil

Economia

"Não" no referendo é um "Não" à União Europeia, diz Junker

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, disse hoje que uma vitória do "não" no referendo de domingo na Grécia é também um não à União Europeia (UE).

© Eric Vidal / Reuters

"Um 'não' significaria, independentemente da questão finamente colocada, que a Grécia diz não à Europa", disse Juncker, numa conferência de imprensa, em Bruxelas, apelando aos gregos para votarem "sim".

"Vou pedir ao povo grego que vote 'sim'", disse, acrescentando que o referendo é "o momento da verdade" para a Grécia. 

A crise na Grécia agudizou-se no sábado, na sequência da decisão de sexta-feira à noite das autoridades gregas de deixarem a mesa das negociações, tendo o fórum que reúne informalmente os ministros das Finanças da zona euro, o Eurogrupo, celebrado mesmo uma sessão de trabalho a 18, já sem a delegação grega na sala, para discutir as "consequências" da rutura das negociações com Atenas.

Na sexta-feira, após o Conselho Europeu, o primeiro-ministro, Alexis Tsipras, tinha anunciado ter decidido submeter as propostas dos credores internacionais a referendo popular, marcado para domingo, aconselhando o voto no "não".

Esta terça-feira termina o programa de resgate da 'troika', estando para já congelada a entrega de uma parcela de 7,2 mil milhões de euros, dada a ausência de acordo sobre novas medidas a tomar pela Grécia.

No mesmo dia, expira o prazo para a Grécia pagar quase 1.600 milhões de euros ao Fundo Monetário Internacional (FMI), ficando o país em incumprimento perante este credor se a verba não for disponibilizada.

A Grécia anunciou que os bancos e a bolsa ficarão encerrados até dia 06 de julho, dia seguinte ao referendo sobre o programa de resgate.

Os levantamentos nas caixas multibanco estão limitados a 60 euros diários.

  • Quando se pode circular pela esquerda? A GNR explica (e fiscaliza)
    5:46

    Edição da Manhã

    A regra aplica-se a autoestradas e outras vias com esse perfil mas dentro das localidades há exceções. A Guarda Nacional Republicana está a promover em todo o território nacional várias ações de sensibilização e fiscalização no sentido de prevenir e reprimir a circulação de veículos pela via do meio ou da esquerda quando não exista tráfego nas vias da direita. O major Paulo Gomes, da GNR, esteve na Edição da Manhã. 

  • "Tudo o que o Benfica está a fazer é uma forma de coação"
    1:59
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    As queixas do Benfica contra a Federação Portuguesa de Futebol e a Liga foram tema de debate no Play-Off da SIC Notícias. Rodolfo Reis, Manuel Fernandes e Rui Santos acreditam que a posição está relacionada com o clássico Benfica-Porto do próximo sábado. Já João Alves considera que estes comunicados podem prejudicar o Benfica.

  • A primeira vez do Sr. Árbitro
    12:41
  • O pedido de desculpas de Dijsselbloem
    2:12

    Mundo

    O Governo português continua a mostrar a indignação que diz sentir perante as declarações do presidente do Eurogrupo. O ministro dos Negócios Estrangeiros português garante que com Dijsselbloem "não há conversa possível". Jeroen Dijsselbloem começou por recusar pedir desculpa mas depois cedeu perante a onda de indignação.