sicnot

Perfil

Economia

Governo aprova recondução do governador do Banco de Portugal

O Conselho de Ministros aprovou hoje a nomeação de Carlos Costa para um segundo mandato de cinco anos como governador do Banco de Portugal.

O presidente do Banco de Portugal, Carlos Costa.

O presidente do Banco de Portugal, Carlos Costa.

LUSA

Em conferência de imprensa, no final do Conselho de Ministros, o ministro da Presidência referiu que esta nomeação foi feita na sequência da audição de Carlos Costa na Assembleia da República e do relatório sobre essa audição.

Carlos Costa foi nomeado governador do Banco de Portugal em 2010, pelo anterior Governo do PS, e está em funções desde 7 de junho desse ano.

Questionado se o conteúdo do relatório recebido do parlamento não é uma mera transcrição da audição de Carlos Costa, o ministro da Presidência, Luís Marques Guedes, respondeu que "é aquilo que a Assembleia da República faz, de acordo com a lei".

Segundo o ministro, "fica claro para todos que a maioria dos deputados, a maioria na Assembleia da República secundou a proposta que o Governo apresentou de designação do doutor Carlos Costa para um segundo mandato".

Interrogado se a recondução de Carlos Costa foi aprovada por unanimidade, Marques Guedes declarou que "todas as decisões do Conselho de Ministros são assumidas por todos os ministros". 

As decisões do Conselho de Ministros "não são do ministro A ou B, são sempre decisões do Governo no seu todo", acrescentou.

Nesta conferência de imprensa, Marques Guedes foi também questionado sobre a manifestação de pessoas que se consideram lesadas pelo Banco Espírito Santo (BES) em frente ao Conselho de Ministros.

O ministro da Presidência afirmou que desconhecia essa iniciativa e considerou que essa matéria é da responsabilidade "do supervisor financeiro e dos reguladores no seu conjunto" e não está relacionada a "qualquer decisão da parte do Governo".


Lusa

  • Passos Coelho pede desculpa aos portugueses
    3:35
  • População afetada pelo fogo tenta repor o que as chamas destruíram
    1:54
  • "Juntos por Todos" hoje no palco em Lisboa
  • Glifosato na lista de produtos cancerígenos na Califórnia

    Mundo

    O estado norte-americano da Califórnia, nos Estados unidos, pode vir a obrigar o fabricante do popular herbicida Roundup a comercializar o produto com um rótulo que informe os consumidores de que o produto é cancerígeno. O glifosato, princípio ativo do herbicida Roundup fabricado pela Monsanto, consta de uma lista que vai ser divulgada na Califórnia, a 7 de julho, de produtos químicos potencialmente cancerígenos.

  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.