sicnot

Perfil

Economia

Problemas técnicos forçam paragem da bolsa de Nova Iorque

A bolsa de Nova Iorque interrompeu esta quarta-feira as negociações devido a uma falha técnica ocorrida por volta das 11:32 (16:32 em Lisboa) e que está a ser analisada, segundo avança o canal de informação CNBC.

A bolsa de Nova Iorque é a principal plataforma negocial de Wall Street. (Arquivo)

A bolsa de Nova Iorque é a principal plataforma negocial de Wall Street. (Arquivo)

© Carlo Allegri / Reuters

Na sua página eletrónica, o Wall Street anunciou a suspensão das operações às 11:51 (16:51 em Lisboa), acrescentando que "informação adicional será disponibilizada assim que possível".

Minutos mais tarde, disse que as operações eletrónicas nos mercados ARCA e AMEX não foram afetadas.

De acordo com um porta-voz do Ministério da Segurança Interna (DHS, na sigla em inglês), dos EUA, "não há atualmente nenhuma evidência de atividade criminosa". 

"Vamos continuar a investigar", acrescentou.

Há mesma hora, o índice Dow Jones Industrial Average caiu 1,19% (211,98 pontos) e o S&P 600 cerca de 1,33%. 

Desde o início da sessão, o Wall Street sofreu problemas técnicos, que foram solucionados às 10:32 (17:32 em Lisboa). No entanto, minutos depois as operações tiveram mesmo que ser interrompidas. 

Segundo indicou a CBNC, não existem provas de que se trata de um ataque cibernético, ainda que a interrupção nos mercados em Wall Street tenha coincidido com um bloqueio da página eletrónica do jornal Wall Street.

Lusa

  • Jovens adoptados e filha do líder da IURD com versões diferentes dos acontecimentos
    4:06

    País

    Os jovens adoptados e a filha do bispo Edir Macedo, que alegadamente os adoptou, têm versões diferentes sobre o que aconteceu. Vera e Luís Katz garantem que foram adoptados por uma família norte-americana, com que viveram até aos 20 anos. Viviane Freitas, filha do líder da Igreja Universal do Reino de Deus, conta que foi mãe das crianças durante três anos, apesar de lhe ter sido negada a adopção.

  • Cabecilha da seita Verdade Celestial é "mentiroso, egocêntrico e psicótico"
    2:22

    País

    O cabecilha da seita "Verdade Celestial" foi condenado a 23 anos de pena de prisão por abusos sexuais de crianças e adolescentes. O juiz diz que o cabecilha do grupo era mentiroso patológico, egocêntrico, impulsivo e com personalidade psicótica. Dos oito acusados, duas mulheres foram absolvidas e seis arguidos foram condenados a penas efetivas. A rede de abusadores foi desmantelada há dois anos, numa quinta de Palmela.

  • Mau tempo obriga ao cancelamento de centenas de voos na Europa
    1:21
  • Antigos quadros da Facebook declaram-se preocupados com efeitos da rede social

    Mundo

    Alguns dos antigos quadros da empresa Facebook estão a começar a exprimir sérias dúvidas sobre a rede social que ajudaram a criar, foi noticiado. A Facebook explora "uma vulnerabilidade na psicologia humana" para criar dependência entre os seus utilizadores, afirmou o primeiro presidente da empresa, Sean Parker, num fórum público.