sicnot

Perfil

Economia

Empresa portuguesa eleita melhor produtora de vinhos do mundo

A empresa portuguesa Sogrape Vinhos foi eleita a melhor produtora vitivinícola a nível mundial de 2015 pela Associação Mundial de Críticos e Jornalistas de Vinhos e Bebidas Espirituosas.

Depois da quarta posição alcançada em 2014, a Sogrape Vinhos surge este ano no primeiro lugar do pódio, à frente da empresa norte-americana Ernest and Julio Gallo Family (2.º) e da francesa Vranken Pommery Monopole Heidsieck (3.º). (Arquivo)

Depois da quarta posição alcançada em 2014, a Sogrape Vinhos surge este ano no primeiro lugar do pódio, à frente da empresa norte-americana Ernest and Julio Gallo Family (2.º) e da francesa Vranken Pommery Monopole Heidsieck (3.º). (Arquivo)

© Regis Duvignau / Reuters

A associação escolhe todos os anos as 100 melhores produtoras de vinhos a nível mundial, baseando-se em critérios de análise muito rigorosos, nomeadamente a avaliação dos prémios conquistados por cada produtor num conjunto selecionado de concursos internacionais realizados ao longo do ano, informa, em comunicado, a Sogrape.

"A participação da Sogrape Vinhos em 10 dos 75 concursos avaliados resultou em 131 prémios, num total de mais de 3.000 pontos calculados de acordo com a importância das medalhas em causa e conferindo-lhe assim um destacado primeiro lugar nesta importante lista", acrescenta.

Depois da quarta posição alcançada em 2014, a Sogrape Vinhos surge este ano no primeiro lugar do pódio, à frente da empresa norte-americana Ernest and Julio Gallo Family (2.º) e da francesa Vranken Pommery Monopole Heidsieck (3.º).

"É com grande satisfação e orgulho que recebemos esta distinção, que mostra o reconhecimento internacional pelo caminho que temos prosseguido nos últimos anos para ser uma referência ibérica de vinhos de qualidade", disse o presidente da empresa, Fernando da Cunha Guedes,

Detentora de marcas como Mateus Rosé, Gazela, Sandeman e Casa Ferreirinha, a Sogrape Vinhos também produz vinhos na Argentina, Chile, Espanha e Nova Zelândia, está presente nas principais regiões vitivinícolas portuguesas e exporta para mais de 120 mercados.

Portugal tem mais cinco empresas na lista dos 100 melhores produtores de vinhos de 2015: a Symington Family Estates (14º), a Casa Ermelinda Freitas (22.º), a Casa Santos Lima (57.º), a Adega Cooperativa de Cantanhede (89.º) e a Companhia das Quintas (99.º).

Lusa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite